Ocorreu um erro neste gadget

Evangelho do Dia - Lucas 14,1-6

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.
 
1Aconteceu que, num dia de sábado, Jesus foi comer na casa de um dos chefes dos fariseus. E eles o observavam.
   
2Diante de Jesus, havia um hidrópico. 3Tomando a palavra, Jesus falou aos mestres da Lei e aos fariseus: "A Lei permite curar em dia de sábado, ou não?" 4Mas eles ficaram em silêncio.
  
Então Jesus tomou o homem pela mão, curou-o e despediu-o. 5Depois lhes disse: "Se algum de vós tem um filho ou um boi que caiu num poço, não o tira logo, mesmo em dia de sábado?" 6E eles não foram capazes de responder a isso.
 
- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

O Dia do Senhor

Muito bom dia, meus amigos!
  
Que alegria já ser hoje sexta-feira... amanhã estaremos todos reunidos novamente junto à mesa do Senhor...
  
No início dessa semana começamos nossa reflexão justamente sobre o mesmo assunto que trataremos hoje: a guarda do dia do Senhor.
  
Para alguns cristãos, ainda é guardado o dia do sábado como o dia de repouso e culto. Porém, para a grande maioria dos seguidores de Cristo, o domingo (que vem do latin dominus = senhor) é o dia guardado para se celebrar e prestar culto ao nosso grande criador... dia de tributo, de dedicação, de adoração, de verdadeira entrega...
  
De maneira bem feliz, foi-nos apresentado por minha noiva querida que, infelizmente, a maioria das pessoas têm feito de tal dia o dia do culto do deus-eu. Dia em que, ao invés de levarmos Deus para o centro de nossos lares, acabamos levando ou deixando que levem o encardido e seus agregados, buscando a satisfação de nosso bel prazer.
  
Lembro-me de uma conversa muito interessante que tive com uma colega de trabalho há alguns dias atrás. Ela é adventista do sétimo dia e, curiosamente sem querer criar discussões escatológicas, perguntei o porquê de eles preferirem a guarda do sábado e não do domingo e como se dava a rotina deles de final de semana...
  
Entre várias palavras, o que mais me chamou a atenção foi que eles realmente tiram o sábado para se aproximarem de Deus. Ocupam-se em leituras de cunho espiritual; assistem DVDs de desenhos, pregações ou de filmes que realmente edifiquem os membros de suas casas; estudam a palavra de Deus; visitam aquelas pessoas que há algum tempo não encontram; e outras coisas mais. Tudo com grande respeito e caráter de edificação da vida espiritual...
  
Não estou aqui para elogiar esta ou aquela religião. Sou muito feliz mesmo com a nossa. Porém, aquela conversa me fez refletir muito sobre minha vida. 
  
Sabe... é justamente isso o que sonho para minha família, para meus filhos. Reunidos em torno da mesa discutindo a Palavra de Deus, rezando o terço, assistindo algo na tv que seja realmente proveitoso espiritualmente... ser verdadeiramente instrumento de Deus. Até apresentei isso para a Anaíle e sei bem que essa também é sua vontade...
  
Porém... o que presenciamos em boa parte de lares, que se dizem cristãos, são verdadeiras ilhas reunidas em torno da televisão, na hora da novela ou do jornal. O que vemos existir são assuntos que não edificam as pessoas, na maioria das vezes colocando em dia as informações a respeito da vida dos outros... São confraternizações regadas à cerveja, carne assada, cantorias seculares que nos afastam mais e mais do verdadeiro sentido do domingo - dominus - dia do Senhor...
  
É necessário refletirmos nossa própria vida. É a partir de nós que devemos mudar...
Como é seu domingo? É do Senhor ou é seu?
  
Não quero dizer que você deve se enclausurar... não! Porém quero alertá-lo que todos os seus atos devem  estar em sintonia com o objetivo de se voltar para a edificação do reino em seu interior e no de seus próximos...
  
Reflitemos muito sobre isso... o dia do Senhor está já à nossa porta!
  
Grande abraço fraternal,
  

 
Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Reunidos em Jesus




Bom dia, meus amigos! Desejo que permaneçamos todos na paz do nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo! Ele, que tem cada dia mais, multiplicado as bênçãos nas nossas vidas, deixando-nos em paz, com proteção, com saúde, com o mínimo necessário para que possamos viver e adorar a Deus a todo momento e em qualquer lugar.
Então, para começarmos bem o nosso dia, vamos ver o que o Senhor quer nos falar nesta manhã. A passagem encontra-se em Lc 13, 31-35.

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.


31Naquela hora, alguns fari­seus aproximaram-se e disseram a Jesus: "Tu deves ir embora daqui, porque Herodes quer te matar". 32Jesus disse: "Ide dizer a essa raposa: eu expulso demônios e faço curas hoje e amanhã; e no terceiro dia terminarei o meu trabalho. 33Entretanto, preciso caminhar hoje, amanhã e depois de amanhã, porque não convém que um profeta morra fora de Jerusalém. 34Jerusalém, Jerusalém! Tu que matas os profetas e apedrejas os que te foram enviados! Quantas vezes eu quis reunir teus filhos, como a galinha reúne os pintinhos debaixo das asas, mas tu não quiseste! 35Eis que vossa casa ficará abandonada. Eu vos digo: não me vereis mais, até que chegue o tempo em que vós mesmo direis: Bendito aquele que vem em nome do Senhor".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.


Bom, amigos, como todos nós já sabemos, Herodes queria porque queria pegar Jesus para condená-lo e tirá-lo do seu caminho. E estava disposto a fazer o que fosse possível para que isso acontecesse.

Dessa vez, Jesus estava curando as pessoas, expulsando demônios e levando a paz àquelas pessoas da região quando chegou até Ele a mensagem da procura de Herodes. Jesus, no entanto, já sabia de tudo o que teria que passar para salvar o povo daquela época, salvar-me, salvar você, meu amigo.

Depois Jesus lamenta, dizendo: “Jerusalém, Jerusalém! Tu que matas os profetas e apedrejas os que te foram enviados! Quantas vezes eu quis reunir teus filhos, como a galinha reúne os pintinhos debaixo das asas, mas tu não quiseste!” Ele veio em missão de paz, de amor. Veio para reunir os filhos de Deus em suas santas mãos, mas estes não o quiseram.
 
Jesus, que veio para mostrar ao mundo o verdadeiro amor, a misericórdia de Deus, veio para libertar o povo e este não O aceitou...

Mas no fim desse lamento (sábio e consciente), Jesus diz: “não me vereis mais, até que chegue o tempo em que vós mesmo direis: Bendito aquele que vem em nome do Senhor". Pois sabia que os povos O reconheceriam, ainda que tarde, e saberiam que Ele é o enviado de Deus Pai. Muito embora estivesse triste, porque via que o povo não aceitou o Salvador, negando, assim, o próprio Deus.

Espero que nós possamos aprender a entender os sinais que Cristo nos manda a todo momento, seja em um irmão, seja em uma mensagem, seja em um simples gesto de amor. Porque amor é o que Ele espera de nós, Ele quer nos reunir no amor, como quis fazer em Jerusalém. Ele está conosco o tempo todo, e eu posso sentir!

Que todos nós fiquemos em paz hoje e tenhamos um dia abençoadíssimo!

Um grande abraço a todos.




Samara Qualhato
Leia Mais

Evangelho do Dia - Lucas 13,22-30

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.
Naquele tempo, 22Jesus atravessava cidades e povoados, ensinando e prosseguindo o caminho para Jerusalém. 23Alguém lhe perguntou: "Senhor, é verdade que são poucos os que se salvam?"
 
Jesus respondeu: 24"Fazei todo esforço possível para entrar pela porta estreita. Porque eu vos digo que muitos tentarão entrar e não conseguirão". 25Uma vez que o dono da casa se levantar e fechar a porta, vós do lado de fora, começareis a bater, dizendo: 'Senhor, abre-nos a porta!' Ele responderá: 'Não sei de onde sois'.
 
26Então começareis a dizer: 'Nós comemos e bebemos diante de ti, e tu ensinaste em nossas praças!' 27Ele, porém, responderá: 'Não sei de onde sois. Afastai-vos de mim todos vós que pra­ticais a injustiça!' 28Ali haverá choro e ranger de dentes, quando virdes Abraão, Isaac e Jacó, junto com todos os profetas no Reino de Deus, e vós, porém, sendo lançados fora. 29Virão homens do oriente e do ocidente, do norte e do sul, e tomarão lugar à mesa no Reino de Deus. 30E assim há muitos que serão primeiros, e primeiros que serão últimos".
 
- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Entrar Pela Porta Estreita

Muito boa tarde, meus amigos!
 
Desculpem-me por não ter postado hoje pela manhã. Estou tendo alguns problemas de log in e ainda não descobri o porquê de, às vezes, não conseguir entrar nos "bastidores" da Boa Semente e acontece que tem hora que consigo me logar e outras vezes, não. É provável que vou ter que acabar dando outra formatada no pc... §:^/
 
Bem, voltando para o nosso Evangelho de hoje...
 
Mas uma vez Jesus vem nos abrir os olhos sobre a necessidade de sermos perseverantes na nossa luta diária. E luta é luta, e ponto final! Não há tréguas, nem pode haver!
 
É a velha e boa ideologia do PHN: Por Hoje Não!
Da mesma maneira que os AA (Alcólatras Anônimos), os dependentes de drogas que estão em casas de recuperação, vencem a luta contra a dependência diariamente, também nós devemos assumir o período de um dia para vencermos nossos espinhos da carne!
Jesus nos alerta a buscarmos entrar pela porta estreita. E por que Ele usa esse termo "estreito"? Porque é tudo mais "apertado" e difícil de conquistar. Porém, bem sabemos que tudo o que conseguimos com sangue, suor e lágrimas é muito mais gostoso de celebrar, não é verdade?
 
Larga e espaçosa é a porta que nos leva à perdição, ao pecado, ao distanciamento de Deus. É tudo muito fácil!
Já repararam que até determinado horário mulheres não pagam para ir à festas e ainda têm cortesia de bebida? Isso atrai homens sem visão espiritual, os que se julgam "pegadores" e aí só o que não presta que fica à disposição de tais pessoas.
Bem... se olharmos bem, sempre tem alguém disposto a pagar coisas que não prestam para pessoas... álcool, cigarro, drogas e até mesmo sexo! Até o momento em que as pessoas ficam dependentes de tais coisas e acabam se perdendo pelo caminho, no "relaxamento" da porta espaçosa!
 
Nossa luta é diária e só chegaremos ao pódio da vitória se lá chegarmos com Cristo ao nosso lado! Não adianta nada estarmos na pole position, liderarmos boa parte da corrida ou estarmos no pelotão da frente se faltando duas ou mesmo uma volta nosso motor quebrar, pneu furar ou coisas que levem nosso carro a quebrar! Não adianta, o pódio vai para outras pessoas e ficamos sem marcar ponto!
Não será diferente no dia do julgamento final. Porém, todos os que cruzarem a linha de chegada celeste ganharão pontos, coroas de vitória e haverá muita festa para todos aqueles que tiveram Jesus como co-piloto!
Como tem sido seu dia a dia? Como está sua vida de testemunho? Sua vida de oração?
A cada dia é necessária uma nova reflexão, uma nova auto-avaliação...
Quero que tornemos cada vez mais forte esse nosso círculo de ajuda. Um precisando do outro e dando a mão ao próximo, para juntos cruzarmos a linha de chegada final, cruzando a porta estreita!
 
Deus abençoe-nos cada vez mais!
Grande abraço fraternal,

Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Evangelho do Dia - Lucas 6,12-19

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

12Naqueles dias, Jesus foi à montanha para rezar. E passou a noite toda em oração a Deus. 13Ao amanhecer, chamou seus discípulos e escolheu doze dentre eles, aos quais deu o nome de apóstolos: 14Simão, a quem impôs o nome de Pedro, e seu irmão André; Tiago e João; Filipe e Bartolomeu; 15Mateus e Tomé; Tiago, filho de Alfeu, e Simão, chamado Zelota; 16Judas, filho de Tiago, e Judas Iscariotes, aquele que se tornou traidor.
 
17Jesus desceu da montanha com eles e parou num lugar plano. Ali estavam muitos dos seus discípulos e grande multidão de gente de toda a Judéia e de Jerusalém, do litoral de Tiro e Sidônia. 18Vieram para ouvir Jesus e serem curados de suas doenças. E aqueles que estavam atormentados por espíritos maus também foram curados. 19A multidão toda procurava tocar em Jesus, porque uma força saía dele, e curava a todos.
 
- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Escutar a Voz do Pai

 
Muito bom dia, meus amigos!
 
Depois de um longo tempo com problemas de conexão, cá estou eu de volta!
 
Não vou demorar muito em nossa reflexão, porque já estou quase na hora de começar meu dia de trabalho. Porém, gostaria de analisar e refletir com vocês, principalmente, um detalhe de nossa passagem de hoje: antes de tomar alguma decisão séria, que iria refletir até o resto de sua vida e de todos os seus projetos, Jesus orava para discernir qual era a verdadeira vontade do Pai.
 
Reparem que geralmente quando Jesus queria ter um momento de intimidade espiritual com Deus, Ele subia a montanha. Dessa vez não foi diferente. Ele tinha inúmeros seguidores, mas deveria escolher doze entre eles para formarem seu "time" fixo, o grupo de pessoas que estariam sempre com Ele, aprendendo diretamente da fonte, as quais seriam as grandes responsáveis pela propagação de seus ensinamentos e pela criação e manutenção de sua igreja, que estava para nascer.
 
Como temos feito em nossa vida diária? Temos buscado conversar com Deus sobre as coisas de nossa vida? Temos pedido direcionamento? Temos parado para escutar o que a voz do Espírito Santo nos diz para seguir?
 
Que possamos refletir sobre isso e pedir que o Espírito Santo nos ajude a fortalecer cada vez mais nosso eu espiritual.
 
Grande abraço fraternal,
 
 
Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Evangelho de hoje: LUCAS 13, 10-17

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 10Jesus estava ensinando numa sinagoga, em dia de sábado. 11Havia aí uma mulher que, fazia dezoito anos, estava com um espírito que a tornava doente. Era encurvada e incapaz de se endireitar. 12Vendo-a, Jesus chamou-a e lhe disse: "Mulher, estás livre da tua doença". 13Jesus pôs as mãos sobre ela, e imediatamente a mulher se endireitou e começou a louvar a Deus.
14O chefe da sinagoga ficou furioso, porque Jesus tinha feito uma cura em dia de sábado. E, tomando a palavra, começou a dizer à multidão: "Existem seis dias para trabalhar. Vinde, então, nesses dias para serdes curados, não em dia de sábado".
15O Senhor lhe respondeu: "Hipócritas! Cada um de vós não solta do curral o boi ou o jumento, para dar-lhe de beber, mesmo que seja dia de sábado? 16Esta filha de Abraão, que satanás amarrou durante dezoito anos, não deveria ser libertada dessa prisão, em dia de sábado?" 17Esta resposta envergonhou todos os inimigos de Jesus. E a multidão inteira se alegrava com as maravilhas que ele fazia.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

O amor e o serviço se sobrepõem à lei


Olá, amigos!

Desejo a todos uma ótima segunda-feira...

Inicialmente quero pedir desculpas em nome de todos os responsáveis pelo nosso blog, pela falta das reflexões do Evangelho de sábado e domingo... Estávamos todos no Encontrão da RCCI, cujo tema foi "Levanta-te e anda!", uma grande bênção...

E a Palavra desta segunda também fala de cura e libertação realizadas por Jesus. Ele estava na sinagoga - templo dos judeus - num dia de sábado e, vendo uma mulher com espírito de doença, chamou-a e proclamou a sua cura, impondo-lhe as mãos. A mulher imediatamente se viu liberta e começou a louvar a Deus.

Os judeus se espantaram com a atitude de Jesus porque, segundo a suas leis, era proibido realizar tais coisas no sábado, o dia de se resguardar para Deus. Mas então vamos refletir... Se o sábado era o dia de se resguardar para o Senhor, para se dedicar a Ele, o que mais O agradaria: ficar no templo rezando o dia inteiro sem praticar nenhuma boa obra ou promover o bem a um irmão, filho Seu, orando por ele e ajudando-o a se libertar do mal?

Jesus mostrou a eles (e a todos nós, cristãos) que mais vale realizar a vontade do Pai, ouvindo a Sua voz e exercendo os carismas e dons que Ele nos concede, do que se prender a regras absolutas da lei. Mais uma vez Jesus nos mostra a sobreposição do amor às leis judaicas. E não há nada que agrade mais a Deus do que amar e fazer o bem aos Seus filhos.

A questão de guardar o sábado ou o domingo ou qualquer outro dia da semana não é o que mais importa... O importante mesmo é que no dia da semana dedicado ao Senhor (no caso dos católicos, o domingo é o dia que dedicamos a Ele, por causa da Páscoa de Jesus Cristo) estejamos com o coração totalmente voltado às Suas obras, aos Seus ensinamentos. Que seja um dia de servir a Deus, de amar o próximo, de fazer caridade, de visitar aqueles que precisam... não de beber o dia inteiro, de falar da vida dos outros, de promover intrigas e discórdias...

Pensemos nisso com amor no coração e clamando o Espírito Santo sobre o nosso entendimento!

Graça e paz a todos nós! Fiquem com Deus...

Anaíle Flôres de Paula
Leia Mais

Evangelho do Dia - Mateus 22,34-40

— O Senhor esteja convosco!

— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, † segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, 34os fariseus ouviram dizer que Jesus tinha feito calar os saduceus. Então eles se reuniram em grupo, 35e um deles perguntou a Jesus, para experimentá-lo: 36"Mestre, qual é o maior mandamento da Lei?"
  
37Jesus respondeu: "Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todo o teu entendimento!’ 38Esse é o maior e o primeiro mandamento. 39O segundo é semelhante a esse: 'Amarás ao teu próximo como a ti mesmo'. 40Toda a Lei e os profetas dependem desses dois mandamentos".
  
- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Evangelho do Dia - Lucas 13,1-9

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

1Naquele tempo, vieram algumas pessoas trazendo notícias a Jesus a respeito dos galileus que Pilatos tinha matado, misturando seu sangue com o dos sacrifícios que ofereciam.
 
2Jesus lhes respondeu: "Vós pensais que esses galileus eram mais pecadores do que todos os outros galileus, por terem sofrido tal coisa? 3Eu vos digo que não. Mas se vós não vos converterdes, ireis morrer todos do mesmo modo. 4E aqueles dezoito que morreram, quando a torre de Siloé caiu sobre eles? Pensais que eram mais culpados do que todos os outros moradores de Jerusalém? 5Eu vos digo que não. Mas, se não vos converterdes, ireis morrer todos do mesmo modo".
 
6E Jesus contou esta parábola: "Certo homem tinha uma figueira plantada na sua vinha. Foi até ela procurar figos e não encontrou. 7Então disse ao vinhateiro: 'Já faz três anos que venho procurando figos nesta figueira e nada encontro. Corta-a! Por que está ela inutilizando a terra?'
 
8Ele, porém, respondeu: 'Senhor, deixa a figueira ainda este ano. Vou cavar em volta dela e colocar adubo. 9Pode ser que venha a dar fruto. Se não der, então tu a cortarás'".
 
- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Evangelho do Dia - Lucas 12,54-59

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 54Jesus dizia às multidões: "Quando vedes uma nuvem vinda do ocidente, logo dizeis que vem chuva. E assim acontece. 55Quando sentis soprar o vento do sul, logo dizeis que vai fazer calor. E assim acontece. 56Hipócritas! Vós sabeis interpretar o aspecto da terra e do céu. Como é que não sabeis interpretar o tempo presente? 57Por que não julgais por vós mesmos o que é justo?
 
58Quando, pois, tu vais com o teu adversário apresentar-te diante do magistrado, procura resolver o caso com ele enquanto estais a caminho. Senão ele te levará ao juiz, o juiz te entregará ao guarda, e o guarda te jogará na cadeia. 59Eu te digo: daí tu não sairás, enquanto não pagares o último centavo".
 
 
- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Vós interpretais a terra... Como não sabeis o que é justo?

   
Neste Evangelho, Jesus nos chama a atenção para uma incoerência nossa, que é fruto do pecado: Somos avançados no conhecimento das ciências naturais, e muito atrasados no conhecimento das coisas mais importantes, como Deus, a justiça, o amor e o Evangelho.
 
Essa advertência vale de modo especial hoje, em que a humanidade cresceu muito no conhecimento das ciências naturais, e parece que até regrediu no conhecimento dos valores indispensáveis à nossa felicidade.
 
A parábola da caminhada com o adversário para o magistrado reforça a necessidade de andarmos sempre com as contas em dia com Deus, pois quando estivermos diante do Juiz, que é Cristo, não haverá mais tempo de corrigirmos os nossos erros, ou de pedir perdão a Deus.
 
As pessoas conhecem o tempo cronológico, mas não procuram conhecer o tempo da graça. Vivem pesquisando a natureza, a fim de utilizá-la, mas não conhecem o Autor da natureza, e a passagem dele pela nossa vida.
 
Em resumo, as pessoas aprofundam-se na ciência, mas não na sabedoria. A ciência não envolve a vida humana no seu conjunto, que tem duas partes: a terrena e a eterna.
 
“Não dizeis vós: Ainda quatro meses e aí vem a colheita? Pois eu vos digo: Levantai os olhos e vede os campos, como estão dourados, prontos para a colheita!” (Jo 4,35-36). Estão aí as duas realidades: a simples ciência e a sabedoria.
Sinais claros desse pecado do homem moderno: Doutores procurando cartomante; pessoas letradas valorizando o “ter” e se esquecendo do “ser”; pais que colocam os filhos, fora do horário escolar, em cursos caros, mas que ensinam coisas fúteis, e se esquecem da catequese; pessoas que se dizem católicas, mas desprezam os mandamentos de Deus e da Igreja, como a indissolubilidade do matrimônio e o respeito à vida intra-uterina; combate à AIDS com propagandas dispendiosas, mas sem citar o principal, que é o uso do sexo conforme o plano de Deus, como a castidade; a multiplicação de seitas, sendo que está tão claro nos Evangelhos que Jesus fundou uma Igreja só e deu as chaves do Céu para S. Pedro.
 
“Estou ciente de que o bem não habita em mim, isto é, na minha carne. Pois querer o bem está ao meu alcance, não, porém, realizá-lo. Não faço o bem que quero, mas faço o mal que não quero” (Rm 8,18-19). Se temos alguma conta a acertar com Deus, vamos fazê-lo logo, porque amanhã poderá ser tarde!
 
Cristo nos deixou todos os meios para vencermos o mal e fazermos o bem: a oração, o sacramento da confissão, a Eucaristia, a vida em Comunidade, a leitura da Bíblia...
 
Certa vez, um homem estava construindo uma casa. Passou alguém e lhe perguntou: “Por que você está construindo esta casa?” “Para eu morar!” respondeu ele. “E para que você vive?”,  perguntou o outro. O homem pensou um pouco, depois disse: “Desculpe-me, mas não sei responder”.
 
Nós sabemos para que fazemos as coisas do dia-a-dia, mas não pensamos no principal: para que vivemos!
 
Certa vez um padre viu um menino passar correndo na rua em frente à igreja. Estranhou aquilo e saiu para ver. O garoto correu uns três quarteirões e voltou correndo para trás.
  
Ao passar em frente à igreja, o padre o chamou, mas ele não atendeu, e foi correndo no sentido contrário, mais três quarteirões. E voltou novamente.
  
Ao passar em frente à igreja, o padre correu atrás dele, segurou-o pela mão, firme mas carinhosamente, e lhe perguntou: “Menino, de onde você vem?”, Ele respondeu: “Não sei!” “Para onde você vai?” “Não sei!” “Quem é você?” “Não sei!” “O que você está fazendo, por que você está correndo assim, pra lá e pra cá?” “Não sei!” Um senhor que morava em frente à igreja viu a cena e disse para o padre: “Senhor padre, esse menino é bobo! ”
  
Que nós não sejamos bobos, aprofundando-nos nas ciências da terra, correndo pra lá e pra cá, mas sem nos preocupar em responder as perguntas fundamentais da nossa vida, que são aquelas que o padre fez ao menino!
  
As poucas palavras de Maria Santíssima que a Bíblia nos trouxe mostram que ela entendia muito das coisas de Deus e do sentido profundo da vida. Que ela nos ajude a dedicarmos os nossos talentos às coisas mais importantes.
     
Vós interpretais a terra... Como não sabeis o que é justo?
         
        
Padre Pio rogai por nós!
    
         
Jordana Lomazzi
Leia Mais

Unção dos enfermos




Este sacramento ainda é muito conhecido pelo nome de ‘Extrema unção’, pois traz uma referência à morte para muitas pessoas. Isso acaba gerando certa confusão na mente daqueles menos informados.

Sabemos bem que isso não corresponde à realidade, pois na verdade, este sacramento foi instituído por Cristo, e nos remete ao sacramento da cura, como podemos ver no livro de São Marcos:


‘Então chamou os doze e começou a enviá-los, dois a dois; e deu-lhes poder sobre os espíritos imundos. Ordenou-lhes que não levassem coisa alguma para o caminho, senão somente um bordão; nem pão, nem mochila, nem dinheiro no cinto; como calçado, unicamente sandálias, e que se não revestissem de duas túnicas. E disse-lhes: Em qualquer casa em que entrardes, ficai nela, até vos retirardes dali. Se em algum lugar não vos receberem nem vos escutarem, saí dali e sacudi o pó dos vossos pés em testemunho contra ele. Eles partiram e pregaram a penitência. Expeliam numerosos demônios, ungiam com óleo a muitos enfermos e os curavam.’
 (Mc 6, 7-13)
Vemos aqui uma grande demonstração de amor de Jesus para com os seus, pois Ele enviou os seus discípulos para que fossem até os doentes, os ungisse e os curasse. E esta também é uma das funções da Unção dos Enfermos.

A Unção dos Enfermos é a cura. A doença nos mostra que somos limitados. A doença é também sinal de nossa falta de fraternidade, de nosso pecado. Deus cura a doença e a raiz da doença. Deus está presente em nosso esforço de arrancar o mal pela raiz.

Algumas vezes em momentos de doença grave, Deus sabendo que é o melhor para a pessoa, também envia o sacerdote para que esta pessoa, quando consciente possa receber o sacramento da confissão, e logo após, receber o sacramento da cura. Isto é sinal da misericórdia infinita de Deus para conosco, pois Ele jamais nos esquece.

Uma das características deste sacramento é que ele não imprime caráter, isto é, caso a doença desapareça e o doente se recupere, ele perde seu efeito sacramental. Enquanto dura a doença o sacramento recebido uma vez, se mantém na alma e faz daquela pessoa uma alma consagrada a Deus, para que Ele tenha por ela um cuidado todo especial.

Quando a pessoa doente recebe este sacramento, tem os seus pecados perdoados, e fica fortalecida para enfrentar a morte. Porém, se Deus achar que ela não deve morrer, o sacramento a ajudará também na cura da doença e a pessoa ficará boa.

‘Está alguém enfermo? Chame os sacerdotes da Igreja, e estes façam oração sobre ele, ungindo-o com óleo em nome do Senhor. A oração da fé salvará o enfermo e o Senhor o restabelecerá. Se ele cometeu pecados, ser-lhe-ão perdoados.’
Tg 5, 14-15

Podemos destacar alguns dos efeitos deste sacramento:

  • O consolo, a paz e o ânimo para suportar os sofrimentos da enfermidade ou da velhice;
  • O perdão dos pecados, se não pode confessar-se e contando que esteja arrependido de suas culpas;
  • O restabelecimento da saúde corporal, se isto for conveniente à saúde espiritual; e
  • A preparação para a passagem à vida eterna.
Klênia Pereira Pires.
Leia Mais

E Ele vem para...



Bom dia, queridos irmãos! É com muita alegria que estou aqui esta manhã, refletindo com vocês o santo Evangelho de hoje. Desde que o Senhor me confiou esta tarefa que Ele tem feito maravilhas na minha vida. E eu sei também que, desde que você começou a ler o Evangelho diariamente, Deus também operou de várias formas e várias e várias vezes na sua vida, tenho certeza disso.

Então eu convido vocês a lerem a Palavra de Deus agora, invocando a presença do Espírito Santo para nos ajudar a compreendê-la conforme a vontade do Pai. Encontra-se em Lc 12, 49-53.

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo disse Jesus aos seus discípulos: 49"Eu vim para lançar fogo sobre a terra, e como gostaria que já estivesse aceso! 50Devo receber um batismo, e como estou ansioso até que isto se cumpra!
51Vós pensais que eu vim trazer a paz sobre a terra? Pelo contrário, eu vos digo, vim trazer a divisão. 52Pois, daqui em diante, numa família de cinco pessoas, três ficarão divididas contra duas e duas contra três; 53ficarão divididos: o pai contra o filho e o filho contra o pai; a mãe contra a filha e a filha contra a mãe; a sogra contra a nora e a nora contra a sogra".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor


Como foi bom pedirmos a iluminação do Espírito Santo, não é verdade? Vejam como esta passagem pode confundir uma pessoa sem orientação! As palavras de Jesus, às vezes, confundia as pessoas, mas hoje elas vêm para que sejam compreendidas e guardadas com mais facilidade. Vamos entender o que aconteceu?

Jesus disse que veio para lançar fogo sobre a terra, e que gostaria muito que isso já tivesse acontecido. Que fogo seria esse? Esse, meus amigos, é o fogo do amor, é o fogo da libertação. É um fogo que incomoda as pessoas a buscarem o Reino dos Céus, um fogo que traz paz e agito ao mesmo tempo, a paz de Deus e o agito que nos leva a mostrar a Palavra d’Ele às pessoas.

Um outro ponto importante nessa passagem é quando Jesus diz que deve receber um batismo. O Filho de Deus queria ser batizado como nós, meros pecadores, mostrando, assim, quanta humildade havia em seu coração, quanta simplicidade para aquele que é o Senhor!

Mais tarde Jesus fala que não veio para trazer paz sobre a terra. Eu creio que isso possa ter espantado um pouco os apóstolos, afinal, era o que eles pensavam, realmente. De repente, o Senhor fala que veio trazer mesmo foi divisão. Jesus já sabia que não seria aceito pelas pessoas, Ele sabia que alguns creriam n’Ele, outras não. Sabia também da revolução que causaria no mundo, e de como, depois d’Ele, haveria um abismo entre as pessoas que O serviriam e aquelas que O rejeitariam.

Jesus disse isso, meus amigos, porque já sabia de tudo o que passaria ali, já sabia também que as pessoas O tratariam mal e fariam armadilhas para Ele. Tudo isso Ele sabia, e sabia também (e foi por isso que Ele disse que traria divisão) que quando as pessoas cressem n’Ele seus corações seriam convertidos, e elas ficariam do Seu lado, contrariando os mestres da lei e os fariseus.
Enfim, Jesus veio ao mundo já sabendo de tudo o que passaria e, com toda a humildade, fez-se um humano, aceitando as condições impostas a Ele pelo mundo, pois estava escrito. E trouxe divisões? Trouxe. Mas trouxe paz, e hoje é só o que traz para mim! Estar na Sua presença é maravilhoso!

Convido vocês a estarem buscando esse fogo e ajudando a espalhá-lo, para a honra e a glória de Deus Pai, que está no Céu!

Um grande abraço a todos!




Samara Qualhato
Leia Mais

Nós, Como Cristãos


O que é ser cristão pra você? Será que simplesmente acreditar que Jesus existiu é ser cristão? Ou mesmo acreditar que Ele ressuscitou? Creio que não, pois na bíblia diz em Tiago1:19 que até mesmo o demônio crê em Deus...
 
Hoje em dia, falou em Jesus, é cristão! Mas acho que vai além disso. Pois, é possível ser cristão sem o conhecimento dos ensinos da bíblia? Esta é mais uma pergunta para refletirmos.
 
Bom, ser cristão é muito bom. Mas isso não quer dizer que seja fácil. Não custa grande coisa o ser  só de aparência. Basta ir às missas aos domingos. Porém, segundo o que a bíblia diz, custa caro ser cristão. Há inimigos para vencer, batalhas para lutar e sacrifícios a realizar.
 
Cada dia que passa se torna mais difícil ser cristão. Não quero dizer que antigamente era fácil fazer a vontade de Deus, mas a cada ano, aparece uma novidade no tocante: a fé em Deus! Então, o que devemos fazer é procurar apoio no Consolador (Espírito Santo) para notar as diferenças do certo e o errado.
 
Ao fazermos isso, vamos perceber algo: É MUITO DIFÍCIL. Como disse várias vezes. Mas a cada procura que fazemos, a cada esclarecimento, Deus vai inserindo em nós os dons do Espírito Santo.
 
Que possamos refletir sobre isso.
 
Que a graça de Deus caia sobre todos nós!
 

Cinthya Cardoso de Araújo
Leia Mais

Evangelho do Dia - Lucas 12,39-48

— O Senhor esteja convosco.

— Ele está no meio de nós
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 39"Ficai certos: se o dono da casa soubesse a hora em que o ladrão iria chegar, não deixaria que arrombasse a sua casa. 40Vós também ficai preparados! Porque o Filho do Homem vai chegar na hora em que menos o esperardes".
41Então Pedro disse: "Senhor, tu contas esta parábola para nós ou para todos?" 42E o Senhor respondeu: "Quem é o administrador fiel e prudente que o senhor vai colocar à frente do pessoal de sua casa para dar comida a todos na hora certa? 43Feliz o empregado que o patrão, ao chegar, encontrar agindo assim! 44Em verdade eu vos digo: o senhor lhe confiará a administração de todos os seus bens. 45Porém, se aquele empregado pensar: ‘Meu patrão está demorando’, e começar a espancar os criados e as criadas, e a comer, a beber e a embriagar-se, 46o senhor daquele empregado chegará num dia inesperado e numa hora imprevista, ele o partirá ao meio e o fará participar do destino dos infiéis.
47Aquele empregado que, conhecendo a vontade do senhor, nada preparou, nem agiu conforme a sua vontade, será chicoteado muitas vezes. 48Porém, o empregado que não conhecia essa vontade e fez coisas que merecem castigo, será chicoteado poucas vezes. A quem muito foi dado, muito será pedido; a quem muito foi confiado, muito mais será exigido!".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

À Espera de Nosso Patrão

Muito boa tarde, meus amigos...
 
Para quem acompanhou a reflexão de ontem, percebe facilmente que a idéia de estar sempre em alerta continua na passagem de hoje.
 
É interessante quando Jesus nos abre os olhos para a verdade de que "os empregados já sabem bem o que o patrão espera deles". Isso significa que o Senhor já nos apresentou os direcionamentos necessários para tomarmos conta das responsabilidades que Ele deixou para cada um de nós. Já nos deu vários exemplos e, inclusive, já até mostrou, passo a passo, o que devemos fazer nas mais diversas situações.
 
Infelizmente, muitas vezes ainda insistimos em cometer erros atrás de erros!
É necessário compreendermos que todos seremos julgados por nossos atos, inclusive aqueles que não têm consciência desse manual deixado. A diferença é que aqueles que conhecem os preceitos do Senhor, serão julgados de maneira muito mais profunda.
 
À primeira vista, parece que é até pior conhecer os ensinamentos de nosso Mestre. Porém, se refletirmos bem, lembraremos que quando temos contato com a verdade do Evangelho, somos completamente mudados, se sincera é a nossa entrega interior.
O problema maior é que muitas pessoas se esquecem de que a vida continua, não fica parada naquele momento lindo do primeiro amor e esquecem de alimentar a alma com alimento do céu. Esquecem de alimentarem da Palavra de Deus, deixam de clamar o Espírito Santo, não confessam seus pecados, não se dão à prática de irem à missa, não buscam fortalecer a vida de oração pessoal. Aí, meu amigo, não tem como não ficar olhando para trás, para seu passado, e cair na tentação de voltar atrás.
É por isso que o julgamento é mais sério! Já foram libertas, mas por desleixo e preguiça deixam voltar aos atos da vida do homem e da mulher velhos. E o pior, quando isso acontece, a nova situação geralmente é bem pior do que a anterior, porque já não há mais inocência nos atos, já se comete o erro conscientemente...
 
Clamo a todos a refletirem bem sobre o Evangelho de hoje... Devemos viver sempre o dia do hoje!
 
Grande abraço fraternal,
Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Evangelho do Dia - Lucas 12,35-38

— O Senhor esteja convosco!
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 35Que vossos rins estejam cingidos e as lâmpadas acesas. 36Sede como homens que estão esperando seu senhor voltar de uma festa de casamento, para lhe abrirem, imediatamente, a porta, logo que ele chegar e bater. 37Felizes os empregados que o senhor encontrar acordados quando chegar. Em verdade, eu vos digo: Ele mesmo vai cingir-se, fazê-los sentar-se à mesa e, passando, os servirá. 38E caso ele chegue à meia-noite ou às três da madrugada, felizes serão, se assim os encontrar!

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Estejamos Preparados para o Retorno do Rei

Muito bom dia, meus amigos!
Quanta alegria poder experimentar diariamente a misericórdia e o amor do Senhor por nós. Ele nos envia o alimento diário para nossa alma!
 
A passagem de hoje vem nos mostrar a importância de estarmos sempre preparados para o retorno do Senhor.
Minha leitura é um tanto fotográfica. Gosto muito de visualizar tudo o que leio e foi lindo ler essa passagem de hoje imaginando a cena do retorno do noivo acontecendo... a leitura nos diz que será o próprio noivo quem irá se por a servir seus servos que estiveram esperando por Ele!
Que lindo, meus irmãos!
Temos sempre a imagem de que servos só servem mesmo para servir, para preparar tudo o que for de agrado de seu senhor e que, geralmente, não podem exigir muita coisa, pois não têm lá muito direito para isso...
Que alegria em termos um Senhor completamente diferente do que o que nos mostra as coisas "normais" do nosso mundo!
 
Porém, é necessário nos atentarmos para o pequeno detalhe de que precisamos estar sempre preparados para o retorno! E Ele voltará, com toda certeza!
 
Olhemos para nossas mãos... o que temos para oferecer ao Senhor? Você se acha preparado para encontrá-lo face à face? Como tem sido sua vida de entrega ao próximo? Tem desenvolvido os talentos que Ele te deu?
 
Ai daqueles que não estiverem preparados... não falo isso porque serão condenados e tudo o mais que costumamos ouvir que acontecerá àquelas pessoas... o meu "ai" é por causa do que deixarão de experimentar!
 
Serão novos céus e nova terra. Onde não haverá mais choro, nem dor, nem tristeza... só alegria e todos os outros frutos do Espírito Santo!
Quero muito poder provar disso!
E você?
 
Que seu dia seja plenamente abençoado e que as experiências que você viver te levem a estar mais preparado para o grande retorno de nosso amado Senhor.
 
Grande abraço fraternal,
 
 
Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Evangelho do Dia - Lucas 12, 13-21

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 13alguém, do meio da multidão, disse a Jesus: "Mestre, dize ao meu irmão que reparta a herança comigo". 14Jesus respondeu: "Homem, quem me encarregou de julgar ou de dividir vossos bens?" 15E disse-lhes: "Atenção! Tomai cuidado contra todo tipo de ganância, porque mesmo que alguém tenha muitas coisas, a vida de um homem não consiste na abundância de bens".
         
16E contou-lhes uma parábola: "A terra de um homem rico deu uma grande colheita. 17Ele pensava consigo mesmo: 'Que vou fazer? Não tenho onde guardar minha colheita'. 18Então resolveu: 'Já sei o que vou fazer! Vou derrubar meus celeiros e construir maiores; neles vou guardar todo o meu trigo, junto com os meus bens. 19Então poderei dizer a mim mesmo: Meu caro, tu tens uma boa reserva para muitos anos. Descansa, come, bebe, aproveita!' 20Mas Deus lhe disse: 'Louco! Ainda nesta noite, pedirão de volta a tua vida. E para quem ficará o que tu acumulaste?' 21Assim acontece com quem ajunta tesouros para si mesmo, mas não é rico diante de Deus".
           
- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Tesouro do Céu

Muito bom dia, meus amigos!
Mais uma semana que se inicia e o que mais desejo é que essa semana, que antecede o Encontrão 2008, seja realmente muito abençoada para você!
 
Na passagem de hoje, Jesus vem nos fazer refletir um pouco sobre nossos valores, sobre o que é importante e o que realmente precisamos dar importância.
 
Muitas pessoas se preocupam, "apenas e somente", em ajuntar riquezas materiais. Porém, meus amigos, como diz aquele ditado popular "caixão não tem gaveta" e não levamos conosco o que acumulamos, materialmente falando.
 
O que realmente importa, quando formos prestar conta é, unicamente e somente, o que "não economizamos" no quesito AMAR. Quanto mais você amar, quanto mais você se doar pela vida, quanto mais você entregar sua vida em favor dos mais necessitados, muito maior será o seu tesouro acumulado!
 
Tenho batido constantemente na tecla de lutarmos e desmascararmos toda espiritualidade individualista e egoísta que nos cercam. Enquanto não tirarmos os olhos dos nossos próprios umbigos, estaremos apenas comendo as migalhas do banquete espiritual.
 
É necessário refletirmos sempre sobre isso. O grito de Jesus a São Francisco de Assis ainda ecoa: "Reconstrói a minha igreja!"
 
A verdadeira igreja de Jesus não são os templos, edificações materiais. Cada um de nós somos tijolinhos do templo espiritual da "noiva" do cordeiro e necessitamos ser renovados e restaurados. É justamente nesse processo de restauração que devemos estar comprometidos de verdade. Esse é o nosso verdadeiro tesouro!
 
Que o Espírito Santo nos conduza na busca do nosso tesouro espiritual.
 
Tenham todos uma semana maravilhosa!
 Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Evangelho deste Domingo: MATEUS 22, 15-21

— O Senhor esteja convosco!
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, † segundo Mateus.
— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, 15os fariseus fizeram um plano para apanhar Jesus em alguma palavra. 16Então mandaram os seus discípulos, junto com alguns do partido de Herodes, para dizerem a Jesus: "Mestre, sabemos que és verdadeiro e que, de fato, ensinas o caminho de Deus. Não te deixas influenciar pela opinião dos outros, pois não julgas um homem pelas aparências. 17Dize-nos, pois, o que pensas: É lícito ou não pagar imposto a César?"
18Jesus percebeu a maldade deles e disse: "Hipócritas! Por que me preparais uma armadilha? 19Mostrai-me a moeda do imposto!" Levaram-lhe então a moeda.
20E Jesus disse: "De quem é a figura e a inscrição desta moeda?" 21Eles responderam: "De César". Jesus então lhes disse: "Dai pois a César o que é de César, e a Deus o que é de Deus".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Vamos refletir juntos? DAR A DEUS O QUE É DE DEUS!

Olá, pessoal!

Hoje a nossa reflexão demorou um pouquinho mas já está chegando, para a glória do Senhor...

A passagem do Evangelho deste domingo é certamente muito conhecida. Todos nós um dia já a lemos ou já ouvimos, principalmente nas missas. Mas você já buscou entendê-la de verdade?

Vemos que os fariseus planejaram uma armadilha para Jesus. A pergunta que lemos acima foi feita para testá-lo: se ele fosse favorável ao pagamento de impostos aos romanos, atrairia para si a contrariedade dos judeus; por outro lado, se ele fosse contra o pagamento de impostos, seria denunciado às autoridades romanas e sofreria o julgamento, como mais tarde realmente aconteceu.

Jesus foi colocado numa encruzilhada, mas com toda a sabedoria do Espírito Santo soube se esquivar dela. A sua atitude de pegar a moeda para analisá-la foi para mostrar aos fariseus que eles aceitavam a dominação romana, usavam a moeda romana normalmente; portanto, deveriam pagar os impostos. Além disso, Jesus também mostrou que todos nós temos obrigações civis e religiosas, que são independentes entre si.

Os tributos que pagamos são das autoridades governamentais, porém, o povo é de Deus! Foi isso que Jesus quis dizer aos fariseus da época: o fato de pagar impostos aos romanos não os impedia de ser povo de Deus, de seguir os Seus preceitos, de fazer a Sua vontade, porque para ser povo de Deus o que importa é o coração adorador...

E hoje essa palavra vem nos mostrar que nós precisamos assumir a nossa condição de povo de Deus... Independente do "caos" que temos vivido quanto às mazelas da sociedade, nós devemos fazer a nossa parte, cumprir com as nossas obrigações de cidadania e também cumprir com a missão que todos nós temos para com o Reino de Deus.

Reflita agora sobre a sua postura: você tem sido povo de Deus? Você tem tido um coração adorador, que se sensibiliza e vê Jesus em todos os irmãos (não só naqueles que te convêm), ou tem tido um coração de pedra? Você tem assumido a sua missão?

Vamos dar a Deus o que é de Deus: todo o louvor, a honra, a glória, a adoração, mas não com palavras vazias, e sim com atitudes!

Jesus nos abençoe neste dia e nos conceda o Espírito Santo, que nos convence e ilumina... Amém!

Anaíle Flôres de Paula
Leia Mais

Evangelho do Dia - Lucas 10,1-9

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo 1o Senhor escolheu outros setenta e dois discípulos e os enviou dois a dois, na sua frente, a toda cidade e lugar aonde ele próprio devia ir. 2E dizia-lhes: "A messe é grande, mas os trabalhadores são poucos. Por isso, pedi ao dono da messe que mande trabalhadores para a colheita.

3Eis que vos envio como cordeiros para o meio de lobos. 4Não leveis bolsa, nem sacola, nem sandálias, e não cumprimenteis ninguém pelo caminho! 5Em qualquer casa em que entrardes, dizei primeiro: 'A paz esteja nesta casa!' 6Se ali morar um amigo da paz, a vossa paz repousará sobre ele; se não, ela voltará para vós. 7Permanecei naquela mesma casa, comei e bebei do que tiverem, porque o trabalhador merece o seu salário. Não passeis de casa em casa. 8Quando entrardes numa cidade e fordes bem recebidos, comei do que vos servirem, 9curai os doentes que nela houver e dizei ao povo: 'o Reino de Deus está próximo de vós'".


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Missão





Muito bom dia, meus amigos!

Hoje é dia de alegria! Dia de banquete, dia de reencontrar os amigos, dia de se mergulhar profundamente no Espírito Santo, dia de refletirmos sobre a missão de cada um...

Particularmente falando, eu amo de paixão essa passagem de hoje! Jesus, depois de ter dado certa formação a seus alunos, depois de ter dado vários exemplos de como realizar a vontade do Pai na vida do próximo.

Todos nós viemos a esse mundo com a missão de sermos "a cara do Pai", que é amor. Nossa missão é amar a todos e através de todos os gestos de doação e entrega. Não pode haver limites para manifestação desse amor!

Tristemente, muitos de nós andamos sem rumo certo, como verdadeiros barcos à deriva. Em nosso coração até que existe uma vontade muito grande de servir ao Senhor, mas nos perdemos em nossos pensamentos e projetos próprios e nos esquecemos de lembrar de que o mais importante é o amor! O mais importante é sairmos da nossa espiritualidade individualista, onde buscamos estar mais próximos de Deus para garantir "nossa" passagem de ida para o paraíso.

É preciso aprendermos a enxergar a centelha divina que existe em todas as pessoas. É importantíssimo descobrirmos que aquela pessoa que está caída na calçada, suja, possui muuuuuito valor para Deus! Independentemente de ser por causa de álcool, de drogas, de desilusão com a vida... quantos excluídos gerados por famílias mal planejadas! Quantas crianças com fome, que se perdem pelas ruas, sem acesso à educação e que muitas vezes fazemos curva nas ruas, por medo de sermos assaltados...

Devemos ir além dos pré-conceitos que criamos e que fazem com que excluamos as pessoas que mais necessitam de atenção!

Jesus nos pede hoje para que possamos sair do nosso mundinho e irmos ao encontro do irmão que precisa! Que curemos suas doenças e que possamos mostrar, através de nossos gestos, que realmente o Reino de Deus está muito mais próximo do que imaginamos.

O desafio que faço hoje a você é que realmente você saia da sua bolha que forma seu universo particular e comece a enxergar os amados de Deus! É aí na sua própria casa que você deve começar... é necessário sermos missionários do amor!

Que tudo o que se opõe ao amor seja retirado da sua vida!

Vem, Espírito Santo, e convence nossos corações de nossas missões...

Grande abraço fraternal,



Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Evangelho do Dia - Lucas 12,1-7

— O Senhor esteja convosco!
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.

Naquele tempo, 1milhares de pessoas se reuniram, a ponto de uns pisarem os outros. Jesus começou a falar, primeiro a seus discípulos: "Tomai cuidado com o fermento dos fariseus, que é a hipocrisia. 2Não há nada de escondido que não venha a ser revelado, e não há nada de oculto que não venha a ser conhecido.

3Portanto, tudo o que tiverdes dito na escuridão, será ouvido à luz do dia; e o que tiverdes pronunciado ao pé do ouvido, no quarto, será proclamado sobre os telhados.

4Pois bem, meus amigos, eu vos digo: não tenhais medo daqueles que matam o corpo, não podendo fazer mais do que isto. 5Vou mostrar-vos a quem deveis temer: temei aquele que, depois de tirar a vida, tem o poder de lançar-vos no inferno.

Sim, eu vos digo, a este temei. 6Não se vendem cinco pardais por uma pequena quantia? No entanto, nenhum deles é esquecido por Deus. 7Até mesmo os cabelos de vossa cabeça estão todos contados. Não tenhais medo! Vós valeis mais do que muitos pardais".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Aos olhos de Deus



Por mais que nós possamos pensar que estamos fazendo algo às escondidas ou que ninguém está vendo, estamos enganando a nós mesmos. Bem sabemos que os olhos de Deus vêem tudo e todos, onde quer que estejamos assim como o velho ditado que diz que “mentira tem perna curta”... e como tem, viu!

Temos a alegria de termos um Pai que tudo perdoa e que nos ama mesmo sabendo dos nossos mais feios pecados. Ele ama de forma incondicional a todos, não há um ser que possa ficar fora do alcance do seu amor.

As palavras que às vezes proclamamos dentro de nós mesmos... sim, aquelas que pensamos que os ouvidos humanos não podem ouvir, as mais profundas, as que revelam o verdadeiro sentimento do nosso coração. Até mesmo a essas palavras o coração de Deus está atento, ouvindo tudo.

Quantas vezes em silêncio dizemos para nós mesmos "Deus não me ama", "Por que eu to passando por isso?" "Por que perdi meu melhor amigo assim?" "Por que meu pai é assim?" "Minha mãe não me entende, como ela fala!" Coisas desse tipo, sabem, Nosso Amado ouve tudo.

Clamemos a misericórdia Dele em nossos corações, para que Ele nos ensine a sempre dizer a verdade e acostumar os nossos lábios a dizerem sempre coisas boas.

Graça e Paz do Nosso Senhor!

São Padre Pio rogai por nós.

Jordana Lomazzi
Leia Mais

Nossas obras deixam marcas






Bom dia, amigos da Boa Semente! Espero que todos tenham um dia abençoadíssimo pelo Senhor Jesus e que permaneçam na paz d’Ele.

Como sou grata ao Senhor Deus pela minha vida e, principalmente, pela minha família, que é meu exemplo e minha fortaleza. Mais uma vez compartilho com vocês minha felicidade em esperar em Deus. E, por falar em minha família, meus antepassados, hoje vem o Santo Evangelho nos dizer algumas coisas importantes às quais devemos relevar os significados.

Antes de tudo, vamos nos colocar na presença do Senhor Deus e pedir a Ele a iluminação para o entendimento desta passagem, que se encontra no Evangelho de Jesus Cristo, segundo São Lucas 11, 47-54.


— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, disse o Senhor: 47"Ai de vós, porque construís os túmulos dos profetas; no entanto, foram vossos pais que os mataram. 48Com isso, vós sois testemunhas e aprovais as obras de vossos pais, pois eles mataram os profetas e vós construís os túmulos.
49É por isso que a sabedoria de Deus afirmou: Eu lhes enviarei profetas e apóstolos, e eles matarão e perseguirão alguns deles, 50a fim de que se peçam contas a esta geração do sangue de todos os profetas, derramado desde a criação do mundo, 51desde o sangue de Abel até o sangue de Zacarias, que foi morto entre o altar e o santuário. Sim, eu vos digo: serão pedidas contas disso a esta geração.
52Ai de vós, mestres da Lei, porque tomastes a chave da ciência. Vós mesmos não entrastes, e ainda impedistes os que queriam entrar". 53Quando Jesus saiu daí, os mestres da Lei e os fariseus começaram a tratá-lo mal, e a provocá-lo sobre muitos pontos. 54Armaram ciladas, para pegá-lo de surpresa, por qualquer palavra que saísse de sua boca.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.



“Ai de vós”, disse o Senhor, “porque construís os túmulos dos profetas; no entanto, foram vossos pais que os mataram”.


Ai de nós, digo eu, que vimos e ouvimos nossos pais, avós, tios blasfemando contra Deus e não fizemos nada, ai de nós que vimos e ouvimos nossos “amigos” fazendo chacotas com a Bíblia e com a Igreja e nada fizemos, ou até, quem sabe, rimos e/ou incentivamos essa prática.

Ai de nós, que nos denominamos cristãos, mas qualquer barreirazinha, visita aos domingos à noite nos desnorteiam da missa, do encontro com o Pai.

É... ai! Essa de hoje doeu! Doeu para mim, doeu por pensar nos meus familiares que um dia também sentirão essa dor, doeu por eu pensar nos meus amigos que passarão por isso também. Ai!

Jesus, hoje, vem falar para nós, diretamente para nós, que tudo o que nós fazemos deixa marcas, marcas que permanecem, mesmo que nós já tenhamos ido.

Um bom exemplo disso é quando somos acusados por coisas que fizeram os nossos avós ou pais. Quando levamos um amigo, um namorado à nossa casa, nossos pais sempre perguntam: “Quem são seus pais?”, não é verdade? Conhecendo os pais, provavelmente conhecerão os filhos.

Como tem sido vista a minha vida? Que tipo de atitudes e decisões já tomadas eu tenho aprovado? Só porque elas já aconteceram não quer dizer que eu nada possa fazer para mudar essa situação, principalmente sendo cristã.

Hoje Jesus nos diz para largarmos de ser hipócritas, no sentido de colocar pedras no caminho das pessoas, impedindo-as de ir ao Pai por estarmos nós mesmos nos impedindo. Quando Ele diz: “Vós mesmos não entrastes, e ainda impedistes os que queriam entrar”. Uma vez que nós fingimos não ver os erros, o desrespeito, o desamor para com Deus, nós estamos impedindo SIM que outras pessoas O conheçam, O amem, O glorifiquem. Então eu pergunto a vocês: Que recompensa terei eu fazendo isso? Ou melhor, recompensa que nada! Que espécie de cristão eu sou, fazendo isso? Que espécie de filho de Deus eu sou, que amor é esse que eu estou demonstrando a Ele fazendo uma coisa dessas? Essas perguntas encaixam-se, infelizmente, a mim também, assumo isso envergonhada. Mas o Senhor me trouxe o Evangelho hoje para que eu amadureça nele, para que eu Lhe seja fiel, e eu anseio por isso!

Amemos ao Pai, com todo o nosso coração, com toda a nossa alma, com toda a nossa força. A Ele toda a honra e toda a glória e que nós deixemos as melhores marcas possíveis para a nossa geração e, principalmente, para as futuras, que cresçam no amor de Deus.

Que tenhamos um dia tranqüilo na paz do Senhor Jesus.

Um grande abraço a todos.

Samara Qualhato.
Leia Mais

A perda de fé


Vivemos num tempo de grandes desafios para a fé cristã. O avanço da ciência e o progresso tecnológico, associados à idolatria do sucesso e dos bens materiais, criaram um luxo, mordomias cujos objetos são o avião a jato, o fax, internet, o dinheiro eletrônico, o telefone celular, TV digital, MP4... Onde sobra tempo para as coisas espirituais, principalmente para o silêncio abissal?

Outro desafio para a perda da fé é a brutalidade, a perversidade da natureza humana.

"O coração é falso como ninguém, ele é incorrigível; quem poderá conhecê-lo?"

Jr 17,9

Mas ter fé, não significa sermos fanáticos. Os maiores tropeços na construção do Reino de Deus na terra são causados pelo fanatismo religioso. Somos invocados pelo Espírito Santo a conhecer a Deus. Não significa que devamos ser “fanáticos”.

"Crescei na graça e no conhecimento de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo"

2 Pd 3,18


Devemos procurar conhecer a Deus, tendo sempre fé nEle. Realmente, é difícil crer em algo que não se pode ver; mas quem tem fé pode sentir. E todos são capazes disso! E quando se conhece é mais fácil de acreditar. Por isso devemos procurar ler sempre a bíblia e ir à igreja. Para que a chama não se apague.


Portanto, não deixemos que nossa fé se acabe, pois somos capazes disso; o Espírito Santo nos revela o que fazer! Basta colocarmos em prática tudo o que Ele nos aponta e procurar sempre estar mais próximo de nosso Senhor.

Cinthya Cardoso de Araújo
Leia Mais

Formação - A Soberba

A Soberba


A soberba tem muitos filhos: orgulho, vaidade, vanglória, arrogância, prepotência, presunção, auto-suficiência, amor-próprio, exibicionismo...


A soberba é o pior de todos os pecados. É o que levou os anjos maus a se rebelarem contra Deus, e levou Adão e Eva à desobediência e ao pecado original. Alguém disse que o orgulho é tão enraizado em nós, por causa do pecado original, que "só morre meia hora depois do dono".

Por outro lado, por ser o oposto da soberba, a humildade é grande virtude, e que mais caracterizou o próprio Jesus: "Manso e humilde de coração" (cf. MT 11,29) e também marcou a vida de Maria: "Serva do Senhor" (Lc 1, 38), José e todos os santos da Igreja.

São Vicente de Paulo ensinava seus filhos que o demônio não pode nada contra uma alma humilde, uma vez que sendo soberbo, não sabe se defender contra a humildade. Por isso, com esta arma ele foi vencido por Jesus, Maria, José, São Miguel e pelos santos. A soberba consiste na pessoa sentir-se como se fosse a “fonte” dos seus próprios bens materiais e espirituais. Acha-se cheia de si mesma e se esquece de que tudo vem de Deus e é dom do alto, como disse São Tiago: "Toda dádiva boa e todo dom perfeito vêm de cima: descem do Pai das luzes" (Tg 1,17).

O soberbo se esquece de que é uma simples criatura, que saiu do nada pelo amor e chamado de Deus, e que, portanto, d'Ele depende em tudo. Como disse Santa Catarina de Sena, ele [maligno] “rouba a glória de Deus”, pois quer para si os aplausos que pertencem só a Deus. São Paulo lembra aos coríntios que: "Nossa capacidade vem de Deus" (2 Cor 3,5). A soberba tem muitos filhos: orgulho, vaidade, vanglória, arrogância, prepotência, presunção, auto-suficiência, amor-próprio, exibicionismo, egocentrismo, egolatria, etc.

Podemos dizer que a soberba é a “cultura do ego”. Você já reparou quantas vezes por dia dizemos a palavra "eu"? "Eu vou"; "Eu acho"; "Eu penso que"...; "Mas eu prefiro"..., etc... A luta do cristão é para que essa “força” puxe-o para Deus e não para o ego. Jesus, nosso Modelo, disse: "Não busco a minha glória" (Jo 8,50). São Paulo insistia no mesmo ponto: “É porventura, o favor dos homens que eu procuro, ou o de Deus? Por acaso tenho interesse em agradar os homens? Se quisesse ainda agradar aos homens, não seria servo de Deus” (Gl 1,10).

Adão e Eva, sendo criaturas, quiseram “ser como deuses” (cf. Gen 3,5); Jesus, sendo Deus, fez-se criatura. Da manjedoura à cruz do Calvário, toda a vida de Jesus foi vivida na humildade e na humilhação. Por isso, Jesus afirmou que no Reino de Deus os últimos serão os primeiros e quem se exaltar será humilhado.

Façamos como Santa Teresinha que procurava o último lugar...

Autor: Felipe Aquino

Fonte: www.cancaonova.com

Leia Mais

FELIZ ANIVERSÁRIO, SEMEADOR!!!

2006_gatos_aniversario_cats_birthday

Olá, pessoal!!!

Talvez você ainda não saiba disso, mas hoje é aniversário do Grupo de Oração Semeador!!!

Hoje à tarde o fundador do grupo entrou em contato comigo e me alertou “coloca uma postagem lá no blog em comemoração do aniversário do grupo!"

Então, que nesse momento nós possamos voltar nosso pensamento a Deus e louvarmos por tantas bênçãos que já fomos testemunhas…

Louvado seja Jesus, por mais essa manifestação de amor em nossas vidas!

Leia Mais

Vamos ler a Palavra de Deus nesta terça-feira? LUCAS 11, 37-41

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 37enquanto Jesus falava, um fariseu convidou-o para jantar com ele. Jesus entrou e pôs-se à mesa. 38O fariseu ficou admirado ao ver que Jesus não tivesse lavado as mãos antes da refeição. 39O Senhor disse ao fariseu: "Vós fariseus, limpais o copo e o prato por fora, mas o vosso interior está cheio de roubos e maldades. 40Insensatos! Aquele que fez o exterior não fez também o interior? 41Antes, dai esmola do que vós possuís e tudo ficará puro para vós".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Pureza interior


Bom dia, irmãos!

Primeiramente, quero partilhar a alegria de estar fazendo essa reflexão neste dia: 14 de outubro - dia em que o Márcio e eu completamos 8 anos e 5 meses de namoro... Feliz dia para você, meu anjo!

Bom, hoje o Senhor Jesus vem nos falar sobre a pureza interior, a necessidade de sermos limpos por dentro, ou seja, termos a alma pura. De nada adianta viver cheio de frescuras com a limpeza exterior se o seu coração é impuro, maldoso, insensível...

Em vários momentos da Bíblia percebemos Jesus repreendendo os fariseus por suas falsidades. De que adianta viver dentro dos templos (igrejas), viver participando de comunidades, grupos de oração, se a sua vida continua sendo superficial, distante do Espírito Santo? Se conhecemos e experimentamos Jesus devemos buscar dia após dia a santidade, a pureza... não a pureza exterior, superficial, mas a pureza de espírito.

Muito mais importante do que lavar as mãos é lavar o coração! E quem nos lava com a água santificadora é o Espírito Santo. Portanto, Jesus nos exorta a buscar incessantemente ser lavados pelo Seu Espírito! Esta é uma eterna busca dos cristãos (os verdadeiros, como você!)...

Assim, sendo inundados pelo Espírito Santificador, damos mais valor às coisas do alto do que às coisas passageiras do mundo. Valorizamos mais o amor, a amizade, a partilha, a caridade, a escuta do irmão; valorizamos menos o dinheiro, a ambição, a posse, o individualismo, o egoísmo... Tornamo-nos, então, cristãos puros de coração e agradáveis a Deus!

Vamos orar um pouquinho? Peçamos ao Senhor que nos inunde neste momento com o Espírito Santo, para que possamos entender as Suas palavras neste dia e possamos buscar a pureza interior sem cessar a cada dia... (e você pode continuar a sua oração pessoal... bom encontro com Jesus!)

Lava, purifica e restaura-me de novo, serás o nosso Deus e nós seremos o seu povo.
Derrama sobre nós a água do amor, Espírito de Deus, nosso Senhor.
Jesus, manda Teu Espírito, para transformar meu coração.
Jesus, manda Teu Espírito, para transformar meu coração.



Anaíle Flores de Paula

Leia Mais

Evangelho do Dia - Lucas 11,29-32

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 29quando as multidões se reuniram em grande quantidade, Jesus começou a dizer: "Esta geração é uma geração má. Ela busca um sinal, mas nenhum sinal lhe será dado, a não ser o sinal de Jonas. 30Com efeito, assim como Jonas foi um sinal para os ninivitas, assim também será o Filho do Homem para esta geração. 31no dia do julgamento, a rainha do Sul se levantará juntamente com os homens desta geração, e os condenará. Porque ela veio de uma terra distante para ouvir a sabedoria do Salomão. E aqui está quem é maior do que Salomão. 32No dia do julgamento, os ninivitas se levantarão juntamente com esta geração e a condenarão. Porque eles se converteram quando ouviram a pregação de Jonas. E aqui está quem é maior do que Jonas".

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Alerta aos Corações Insensíveis




Muito boa tarde, filhos do céu!

Bem, pessoal... o recado de Jesus para nós hoje é bem claro: devemos ter muito cuidado com nossa insensibilidade em relação ao nosso processo de conversão!

Percebemos hoje que Jesus está um pouco "contrariado", não é verdade?

O fato é que as pessoas nunca estão satisfeitas com as manifestações que Deus sempre faz em nossas vidas e sempre querem mais provas! Esperam até o último momento para ficarem "curtindo" tudo o que a vida pode oferecer e, infelizmente, não percebem que isso pode significar o passaporte para um lugar que ninguém deseja ir...

É incomodante ver que mesmo depois de várias experiências espirituais, várias manifestações fortes de Deus, as pessoas ainda permanecem insensíveis ao projeto de amor que Ele tem para cada um de nós.

Jesus hoje nos mostra que isso é perigoso e pode depor contra nós no dia do juízo final!

É necessário que a ação do Espírito Santo em nós gere atos concretos de conversão, de piedade, de misericórdia. É necessário apresentarmos corações sensíveis, de carne! Quantas pessoas se demonstram indiferentes às necessidades dos mais excluídos, mesmo depois de serem batizdos no Espírito Santo, mesmo depois de passarem por processo de cura interior e, infelizmente, mesmo se dizendo servos de Deus?

Que possamos refletir sobre isso... se é essa a sua situação agora, ainda há tempo para corrigirmos isso...

Deixe o Espírito Santo te incomodar!

Grande abraço fraternal,


Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Evangelho do Dia - João 2,1-11

— O Senhor esteja convosco!
— Ele está no meio de nós!
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, † segundo João.
— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, 1houve um casamento em Caná da Galiléia. A mãe de Jesus estava presente. 2Também Jesus e seus discípulos tinham sido convidados para o casamento. 3Como o vinho veio a faltar, a mãe de Jesus lhe disse: "Eles não têm mais vinho".
        
4Jesus respondeu-lhe: "Mulher, por que dizes isto a mim? Minha hora ainda não chegou".
             
5Sua mãe disse aos que estavam servindo: "Fazei o que ele vos disser". 6
          
 Estavam seis talhas de pedra colocadas aí para a purificação que os judeus costumam fazer. Em cada uma delas cabiam mais ou menos cem litros.
          
7Jesus disse aos que estavam servindo: "Enchei as talhas de água". Encheram-nas até a boca. 8Jesus disse: "Agora tirai e levai ao mestre-sala". E eles levaram. 9O mestre-sala experimentou a água que se tinha transformado em vinho. Ele não sabia de onde vinha, mas os que estavam servindo sabiam, pois eram eles que tinham tirado a água.
               
10O mestre-sala chamou então o noivo e lhe disse: "Todo mundo serve primeiro o vinho melhor e, quando os convidados já estão embriagados, serve o vinho menos bom. Mas tu guardaste o vinho bom até agora!"
             
11Este foi o início dos sinais de Jesus. Ele o realizou em Caná da Galiléia e manifestou a sua glória, e seus discípulos creram nele.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Postagens mais visitadas

Ouça a Rádio Canção Nova



Seguidores

 

Sobre A Boa Semente!

A Boa Semente foi fundada em 2007. É uma criação do Grupo de Oração Semeador, da Renovação Carismática Católica da cidade de Inhumas GO. É um instrumento de evangelização sem fins lucrativos.

Sua principal missão é semear a Boa Semente através de reflexões diárias do evangelho. Você também pode fazer parte dessa família, entre em contato conosco e saiba como!

Os artigos são de responsabilidade de seus respectivos autores.

Deus te abençoe sempre!

Visite Meu Canto Secreto e descubra mais sobre o autor desse instrumento de evangelização. Mais uma criação Vocenanet.com VCN