Ocorreu um erro neste gadget

Abandonar as Amarras



Evangelho - Jo 20,2-8

Bom dia, meus queridos!

Muito tempo se passou desde o nosso último diálogo nas terças-feiras, mas espero que tenhamos mantido o nosso hábito de refletir e vivenciar a Palavra mesmo sem o auxílio das palavras e reflexões postadas aqui, no blog.

E neste tempo tão festivo, no qual celebramos a alegria de acolher o Cristo vivo, como homem, o Senhor nos convida a ressuscitar, abandonando o que nos prende e nos impede de vivenciar a graça, a alegria de servir e amar ainda mais ao nosso Deus. 


"Viu as faixas de linho deitadas no chão
e o pano que tinha estado sobre a cabeça de Jesus, 
não posto com as faixas,
mas enrolado num lugar à parte." (Jo 20, 7)


Mesmo após a celebração do Natal, ainda podemos ver e ouvir o que o mundo entende como Natal: "Saldão de ofertas", "liquidação", "promoção!!!", "Super descontos para queimar o estoque do Natal!". O nosso mundo transformou a celebração natalina numa grande feira, forçando-nos a esquecer o verdadeiro sentido da vinda do Senhor. Esta é uma das faixas que nos impedem de abandonar a prisão do pecado: a nossa atenção desnecessária aos bens.

A nossa atenção desnecessária aos bens materiais nos impede de vivenciar a simplicidade, o convívio... Não existe outro momento durante o ano em que todos se reúnem para celebrar e confraternizar, certo? O tempo do Natal é propício ao convívio, à alegria da partilha, do diálogo. Somos convidados a esquecer as desavenças e preparar-nos para um novo ano que se aproxima. Abandonar as faixas, as amarras, nos permite caminhar livremente. Não seria este o momento para procurar alguém a quem perdoar ou pedir perdão?

Abandonar as amarras é também surpreender àqueles que amamos e que caminham conosco. Talvez pareça um pouco repetitivo, mas poderíamos, neste novo ano, nesta oportunidade que é dada a cada um, fazer com que aquilo que não foi bom até agora seja mudado, transformado...

Acima de tudo, precisamos cumprir com a nossa missão, afinal, Jesus deixou o túmulo e as amarras para cumprir, com fidelidade, a missão que o Pai lhe confiara. Antes mesmo de pensar em ser melhor por algo ou alguém, precisamos pensar em ser, no mínimo, inteiramente consagrados ao Senhor. Para que possamos vivenciar inúmeras alegrias neste ano e durante toda a vida, precisamos permitir que o Senhor aja através de nós, permitir que a vontade do Senhor se realize. Somente abandonando as amarras, o que é velho, poderemos nos abrir à nova vida que Jesus nos traz. Como começar? Com um sorriso, um  abraço, sendo você mesmo onde quer que você esteja. O Senhor tem para nós uma vida nova, e para que ela possa ser testemunhada, você só precisa aceitar.

Como este é o nosso último diálogo do ano, desejo felicidades, e que neste ano que se anuncia nós possamos vivenciar, sinceramente, todas as graças que o Pai nos prepara.

Grandioso abraço!

Heitor A. Pereira
Leia Mais

Está cansado? Abandone-se em Jesus!


Olá, amados irmãos!

Mais uma vez estamos aqui no blog "A Boa Semente" para refletirmos sobre a Palavra de Deus para nós.

A passagem do Evangelho de hoje está em Mateus 11: 28-30. É uma passagem curtinha, mas com uma beleza e uma profundidade muito grandes.

Hoje Jesus vem nos falar que nEle encontramos refúgio, encontramos descanso. E isso é tão real para aqueles que crêem nessa palavra, que parece indescritível... bom mesmo é poder viver esse descanso em Deus.

Digo isso porque é exatamente o que estou vivendo agora: depois de um dia intenso de trabalho, depois de ir à novena de natal, mesmo sem tomar banho, cá estou para ler e refletir sobre a Palavra de Deus. E como é boa a sensação de poder descansar espiritualmente nos braços de Jesus nesse momento... quanta paz!

Ainda ontem na novena de natal, refletíamos sobre a questão dos frutos da conversão. E eu manifestei naquele momento que, a meu ver, um dos grandes frutos da conversão é a certeza de não estar sozinho, é a certeza de que Jesus está caminhando junto conosco, nos fortalecendo, nos dando o descanso, nos dando paz e confiança de que tudo está em Suas mãos.

Estamos no tempo do Advento, tempo de conversão. E a conversão nada mais é do que voltar-se para Deus, fixar os olhos nEle e seguir em Sua direção. Nessa caminhada, o Senhor nos acompanha e nos segura nos momentos mais difíceis, por isso nEle encontramos esse refúgio, essa fortaleza, esse descanso.

Como é bom caminhar lado a lado com Jesus! Como é bom contar com a intercessão e com os exemplos de fé e fidelidade de Nossa Senhora! Como é bom ser igreja!

Se você se sente cansado e fatigado, se você sente que seus problemas estão além de suas forças, tente olhar agora para a cruz de Cristo e perceba que Ele sofreu por você, em expiação aos nossos pecados! Portanto, não há nada impossível para Deus! Ele é a nossa força!

A paz de Jesus esteja em nossos corações! Amém!

Anaíle Flores de Paula
Grupo de Oração Semeador
Leia Mais

Postagens mais visitadas

Ouça a Rádio Canção Nova



Seguidores

 

Sobre A Boa Semente!

A Boa Semente foi fundada em 2007. É uma criação do Grupo de Oração Semeador, da Renovação Carismática Católica da cidade de Inhumas GO. É um instrumento de evangelização sem fins lucrativos.

Sua principal missão é semear a Boa Semente através de reflexões diárias do evangelho. Você também pode fazer parte dessa família, entre em contato conosco e saiba como!

Os artigos são de responsabilidade de seus respectivos autores.

Deus te abençoe sempre!

Visite Meu Canto Secreto e descubra mais sobre o autor desse instrumento de evangelização. Mais uma criação Vocenanet.com VCN