Ocorreu um erro neste gadget

Evangelho do Dia - Lucas 9,22-25

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor!

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 22“O Filho do Homem deve sofrer muito, ser rejeitado pelos anciãos, pelos sumos sacerdotes e doutores da Lei, deve ser morto e ressuscitar no terceiro dia”.
23Depois Jesus disse a todos: “Se alguém me quer seguir, renuncie a si mesmo, tome sua cruz cada dia, e siga-me. 24Pois quem quiser salvar a sua vida, vai perdê-la; e quem perder a sua vida por causa de mim, esse a salvará.
25Com efeito, de que adianta a um homem ganhar o mundo inteiro, se se perde e se destrói a si mesmo?”

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Luta Diária


  

“Se alguém me quer seguir, renuncie a si mesmo, tome sua cruz cada dia, e siga-me. "


Muito bom dia, meus amigos!
 
Quantas bênçãos recebemos no Rebanhão! Jesus prometeu que aquele ginásio seria uma enfermaria e Ele cumpre, de fato, todas as promessas que faz! Perdeu muuuito, quem não foi.
 
Para mim é uma alegria imensa estar aqui novamente refletindo em parceria com você a mensagem de Deus para nós, o alimento espiritual vindo da própria boca do Senhor.
 
Quero me prender, basicamente, nesse versículo que destaquei aí em cima: NOSSA LUTA DEVE SER DIÁRIA!
 
Não há folga, não há descanso, não há como e nem porquê ficarmos parados no tempo. Se assim fizermos, infelizmente, seremos tragados pelo "buraco negro" que nos ronda e quer, por tudo, acabar conosco.
 
Não é de hoje que verdadeiros cristãos são aqueles que remam, nadam, lutam contra a correnteza das tendências que o mundo sempre vem nos oferecer. Quando o demônio ofereceu a Jesus o mundo em troca de sua adoração ele estava oferecendo algo que, infelizmente, estava sob sua posse. É muito claro isso! É só você parar, observar as letras das músicas que viram sucesso; olhar para as coisas que são enfiadas "guela abaixo" dos telespectadores das novelas; olhar a maneira com que nossos adolescentes e até mesmo nossas crianças estão se vestindo, seguindo as "ondas" da moda...
 
É triste, mas a realidade é que cada vez mais as pessoas se aderem a esses modismos que só as destroem. O triste é que é como a teia de uma aranha, em que um fio se interliga a outro: as roupinhas imorais ativam uma sexualidade precoce, muitas vezes regada à àlcool e drogas; de "ficar" em "ficar" acaba surgindo uma gravidez indesejada que, no mínimo, irá formar um novo ser que terá uma probabilidade muito menor de ser uma pessoa equilibrada, por nascer em um lar sem estrutura, isso quando nasce em um berço cercado de seu pai e sua mãe.
 
Essa é só uma faceta de um jogo de podridão, de enganação, que muitas vezes acaba pegando aqueles que se julgam os mais espertinhos das turminhas.
 
Você se diz cristão? Você realmente quer assumir sua condição de filho de Deus e honrar a camiseta de jogador do time de Cristo?
 
Então, meu amigo, arreganhe as mangas, pois não há espaço para pessoas frouxas! A luta é diária e não pode ser diferente, pois o demônio é como um leão que ruge e nos ronda esperando o nosso primeiro vacilo para nos atacar. Porém, não há motivo para termos medo, pois é o próprio Espírito Santo quem nos capacita nessa santa luta. Lutamos uma guerra que já está ganha!
 
Você conhece bem as armas que nos são confiadas. São as cinco pedrinhas que Nossa Senhora nos apresentou em Medjugorje: o jejum, o rosário, a confissão, o estudo da palavra e a Santa Eucaristia, presença viva de Jesus em nosso meio.
 
Esse momento em que estamos entrando é momento propício para nos tornarmos mais e mais fortes em nosso combate espiritual. É interessante, sim, fazermos sacrifício de não comermos carne, como muita gente faz. Porém, o mais importante é você se fortalecer espiritualmente e, quero ser ousado em te afirmar isso, de nada adiantará você deixar de comer carne se em seu interior nada acontecer, se você não promover uma transformação que te leve para mais próximo de Deus!
 
Então, muito mais importante que deixar de comer carne, é você colocar sua vida de oração diária em dia!
 
Quanto tempo faz que você não jejua? Quanto tempo faz que você não faz uma boa confissão? Quanto tempo faz que você não reza o terço? Quanto tempo faz que você não tira um tempinho para estudar a Bíblia? Quanto tempo faz que você não faz uma boa comunhão, dialogando profundamente com Jesus e parando de reparar as pessoas que estão na igreja e na fila da comunhão?
 
Essas perguntas são apenas para você dar uma refletidinha básica. Espero que o Espírito Santo te deixe bastante incomodado, sinceramente.
 
Quaresma é tempo de conversão!
 
Deus nos abençoe cada vez mais,
 
 

Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Evangelho do dia: Marcos 9,14-29

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 14descendo Jesus do monte com Pedro, Tiago e João e chegando perto dos outros discípulos, viram que estavam rodeados por uma grande multidão. Alguns mestres da Lei estavam discutindo com eles.
15Logo que a multidão viu Jesus, ficou surpresa e correu para saudá-lo. 16Jesus perguntou aos discípulos: “Que discutis com eles?” 17Alguém na multidão respondeu: “Mestre, eu trouxe a ti meu filho que tem um espírito mudo. 18Cada vez que o espírito o ataca, joga-o no chão e ele começa a espumar, range os dentes e fica completamente rijo. Eu pedi aos teus discípulos para expulsarem o espírito, mas eles não conseguiram”.
19Jesus disse: "Ó geração incrédula! Até quando estarei convosco? Até quando terei de suportar-vos? Trazei aqui o menino”. 20E levaram-lhe o menino. Quando o espírito viu Jesus, sacudiu violentamente o menino, que caiu no chão e começou a rolar e a espumar pela boca.
21Jesus perguntou ao pai: “Desde quando ele está assim?” O pai respondeu: “Desde criança. 22E muitas vezes, o espírito já o lançou no fogo e na água para matá-lo. Se podes fazer alguma coisa, tem piedade de nós e ajuda-nos”.
23Jesus disse: “Se podes!... Tudo é possível para quem tem fé”. 24O pai do menino disse em alta voz: “Eu tenho fé, mas ajuda a minha falta de fé”. 25Jesus viu que a multidão acorria para junto dele. Então ordenou ao espírito impuro: “Espírito mudo e surdo, eu te ordeno que saias do menino e nunca mais entres nele”.
26O espírito sacudiu o menino com violência, deu um grito e saiu. O menino ficou como morto, e por isso todos diziam: “Ele morreu!” 27Mas Jesus pegou a mão do menino, levantou-o e o menino ficou de pé.
28Depois que Jesus entrou em casa, os discípulos lhe perguntaram a sós: “Por que nós não conseguimos expulsar o espírito?” 29Jesus respondeu: “Essa espécie de demônios não pode ser expulsa de nenhum modo, a não ser pela oração”.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Orar como Jesus orou...


Bom dia a todos!!!!

Convidamos irmãos e irmãs a imaginarem conosco a cena pela qual se passa esse evangelho de hoje.

Aquela multidão estava à espera do Senhor, quando viram Jesus e perceberam que poderiam ter seus problemas resolvidos, correram de encontro à Ele. Nós tantas vezes também temos atitudes como aquele povo. Jesus em sua misericórdia infinita nos recebe, mas por outro lado quantos de nós queremos resolver as coisas sozinhos e não contamos com o nosso Deus que sempre está do lado? Quantas vezes buscamos soluções nos lugares e nas pessoas erradas?

Reflitamos irmãos, somente Deus é o Poder, só Ele é quem nos repousa, só Ele é o Deus digno de ser procurado. E Ele se deixa encontrar, basta querer pra que a graça aconteça. Deus é o nosso Senhor e se somos seus abençoados filhos devemos recorrer a Ele e ainda proclamar que Ele é o nosso Salvador.

Outro momento importante nesse evangelho é a demonstração de fé do pai daquela criança. Esse personagem simplesmente abandonou-se nas mãos agraciadas de Deus.

Irmãos, abandonar nas mãos de nosso Senhor é simplesmente entregarmos a Ele toda a nossa vida, confiando que Ele tudo pode. Precisamos exercitar nossa fé para que aconteçam milagres, curas e libertações.

Lancemos outro olhar para a palavra de Deus: quando os discípulos não conseguiram expulsar o mal daquele menino devem ter sentido profundo sentimento de frustração, de incapacidade. Mas o Senhor alerta que o remédio para isso é a oração, somente através dela podemos realizar boas obras como aquela. Estar em oração significa que devemos sempre pedir a Deus a direção em tudo o que formos fazer, e buscarmos não apenas retirar um tempo que deve ser dedicado à Deus, mas também, fazermos do nosso dia-a-dia uma verdadeira oração à Deus, através de nossas atitudes, do nosso viver.

Como filhos do Senhor, temos que utilizar-nos da autoridade de Filhos e assim, revestidos dessa verdade temos que nos fazer constantes na oração. Não basta ser filho, precisamos ter a graça, ter a benção, a força, a saúde espiritual e isso só conseguimos quando oramos, quando colocamo-nos na presença do Senhor entregues à sua ação. Somente assim conseguiremos, com Jesus, expulsar os males da nossa vida.

Vamos orar pedindo ao Senhor a graça de professar a nossa fé em Jesus a todo momento e pedir o auxílio sempre que necessário: "Queremos Senhor, assim como aquele pai, descançarmos em tua presença. Ó Deus, precisamos de ti, já que sozinhos nada podemos, fica conosco Senhor. Confiamos no que tem preparado para nós! Estamos aqui ó Deus, faça a tua obra em nós. Amém!"

Klênia Pereira e Marcos Piter
Leia Mais

Evangelho deste domingo: MARCOS 2, 1-12

— O Senhor esteja conosco!
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor!

1Alguns dias depois, Jesus entrou de novo em Cafarnaum. Logo se espalhou a notícia de que ele estava em casa.
2E reuniram-se ali tantas pessoas, que já não havia lugar, nem mesmo diante da porta. E Jesus anunciava-lhes a Palavra.
3Trouxeram-lhe, então, um paralítico, carregado por quatro homens.
4Mas não conseguindo chegar até Jesus, por causa da multidão, abriram então o teto, bem em cima do lugar onde ele se encontrava. Por essa abertura desceram a cama em que o paralítico estava deitado.
5Quando viu a fé daqueles homens, Jesus disse ao paralítico: “Filho, os teus pecados estão perdoados”.
6Ora, alguns mestres da Lei, que estavam ali sentados, refletiam em seus corações:
7“Como este homem pode falar assim? Ele está blasfemando; ninguém pode perdoar pecados, a não ser Deus”.
8Jesus percebeu logo o que eles estavam pensando em seu íntimo, e disse: “Por que pensais assim em vossos corações?
9O que é mais fácil: dizer ao paralítico: ‘Os teus pecados estão perdoados’, ou dizer: ‘Levanta-te, pega a tua cama e anda?’
10Pois bem, para que saibais que o Filho do Homem tem, na terra, poder de perdoar pecados, — disse ao paralítico:
11eu te ordeno: levanta-te, pega tua cama, e vai para tua casa!”
12O paralítico então se levantou e, carregando a sua cama, saiu diante de todos. E ficaram todos admirados e louvavam a Deus, dizendo: “Nunca vimos uma coisa assim”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor
Leia Mais

Almas paralíticas


Olá, bom dia!!!

Inicialmente, quero pedir desculpas aos leitores pelo meu "sumiço", justificando pela minha correria...

Hoje a nossa passagem do Evangelho nos fala sobre a cura do paralítico. Jesus já estava "famoso" na redondeza por causa dos milagres que vinha realizando, e muitos já acreditavam nEle como o Messias, vindo ao Seu encontro. E Ele lhes anunciava a Palavra.

Assim, aqueles que tinham FÉ O procuravam para serem curados. Os quatro homens que levaram o paralítico até Jesus tinham tamanha fé que, não conseguindo chegar até Ele devido à multidão, fizeram o "absurdo" de entrar pelo telhado. E Jesus, vendo a fé e a confiança que eles tinham de que Ele poderia curar aquele paralítico, concede a ele a sua cura.

Mas que cura foi essa? Observem, irmãos, que Jesus diz: "Filho, os teus pecados estão perdoados". O que aquele homem mais precisava não era a mera cura da enfermidade física, mas sim a cura da alma, através do perdão dos seus pecados. Ele pediu a cura física e Jesus lhe deu a cura para a vida eterna!

E quantas pessoas há no mundo com a alma paralítica! Tantas pessoas mergulhadas no pecado, nas bebidas, na sexualidade desregrada, na sensualidade desenfreada, na ambição, em tantas coisas que só trazem vazio ao coração, escoradas no "hoje em dia tudo é normal"... Almas paralíticas, sem fé, sem confiança naquele que tudo pode.

Amado(a) irmão(ã), nunca se julgue santo o bastante que não precise de confissão. Todos nós precisamos sempre de confissão, mesmo que tenhamos cometido os chamados "pecadinhos" básicos. Os grandes pecados, irmãos, são sempre provenientes desses "inofencivos pecadinhos". Pense nisso!

Talvez há muito tempo você esteja pedindo alguma cura física ou espiritual a Deus. Pense em CONFESSAR-SE, fazer algo aparentemente "absurdo" para se achegar até Jesus e receber a cura para a vida eterna. Deus pode curar a sua alma paralítica!

Que Ele nos encha da luz do Espírito Santo neste dia santo! E não nos esqueçamos, está acontecendo o REBANHÃO 2009, em Inhumas; Deus espera cada um de nós!


Anaíle Flores de Paula
Leia Mais

Evangelho do Dia - Marcos 8,27-33

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.
 
Naquele tempo, 27Jesus partiu com seus discípulos para os povoados de Cesaréia de Filipe. No caminho perguntou aos discípulos: “Quem dizem os homens que eu sou?”
 
28Eles responderam: “Alguns dizem que tu és João Batista; outros que és Elias; outros, ainda, que és um dos profetas”. 29Então ele perguntou: “E vós, quem dizeis que eu sou?” Pedro respondeu: “Tu és o Messias”.
 
30Jesus proibiu-lhes severamente de falar a alguém a seu respeito. 31Em seguida, começou a ensiná-los, dizendo que o Filho do Homem devia sofrer muito, ser rejeitado pelos anciãos, pelos sumos sacerdotes e doutores da Lei, devia ser morto, e ressuscitar depois de três dias. 32Ele dizia isso abertamente.
 
Então Pedro tomou Jesus à parte e começou a repreendê-lo. 33Jesus voltou-se, olhou para os discípulos e repreendeu a Pedro, dizendo: “Vai para longe de mim, Satanás!” Tu não pensas como Deus, e sim como os homens”.
 
 
- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Quem Sou Eu Para Você?

  
Muito bom dia, meus amigos!
  
  
Depois de uma boa lida do Evangelho de hoje, é possível refletirmos a passagem através de várias facetas. Mas vamos agora ficar apenas com a indagação que Jesus fez a seus discípulos e a repete para você hoje:

“Quem dizem os homens que eu sou?”
Mc 8,27b

Ou melhor,

"Quem sou EU para você?"
  
Infelizmente muitos dos que se dizem cristãos batizados, batem no peito e se dizem católicos estão "colecionando" atos que não condizem em NADA com vida de uma pessoa realmente cristã. 
  
CRISTÃO é aquele que se propõe, a exemplo de Paulo, a IMITAR CRISTO, a seguir seus ensinamentos independente do que tenha que abrir mão. Para isso é necessário vida de renúncia! E principalmente renúncia ao pecado, a tudo aquilo que nos tira da presença de Deus.
  
Há pessoas que pensam que basta deixar de encher a cara de bebida alcoólica, deixar de ir à zonas de prostituição ou de se prostituir, parar de se drogar, parar de roubar ou coisas parecidas, que são as coisas MAIS ESCANDALOSAS. 
  
Porém, meus amigos, é necessário CORTARMOS O MAL PELA RAIZ!
  
Qual é a origem de todos esses atos escandalosamente grotescos que nós acabamos de citar??? Os pequenos gestos, que parecem mais inocentes do que tudo.
  
Vale a pena lembrar que UM ALCOÓLATRA NASCE NO PRIMEIRO GOLE que bebe "socialmente"; um pervertido sexual nasce na "coleção" de espiadinhas em fotos pornográficas em revistas, em filmes do gênero, em "surfadas" na parte suja e cheia de LODO na internet; um ladrão e corrupto nasce nos INOCENTES GESTOS de querer passar as pessoas para trás, tirando proveito de tudo e de todos!
  
É NECESSÁRIO POLICIARMOS NOSSOS PEQUENOS GESTOS para podermos afirmar que somos realmente cristãos!
  
Pare e reflita: Jesus faria essas "coisinhas" que muitas vezes você se põe a praticar???
  
E são justamente esses gestos que falam e refletem sobre quem realmente é Jesus para você...
  
Se você simplesmente OUVIU FALAR DE JESUS e nunca viveu uma experiência concreta do seu amor, todas essas "coisinhas" que citei não fazem a mínima importância para você e nem sequer pensa em deixá-las como páginas que você adoraria ser possível serem rasgadas de seu livro da vida.
  
GESTOS FALAM MUITO MAIS QUE PALAVRAS!!! Palavras são traiçoeiras em si. Analise as pessoas pelos gestos e você descobrirá quem realmente são. "Uma árvore boa não pode produzir maus frutos" e vice-versa...
  
É chegada uma época em que o pecado corre solto. É tudo muito "normal". E é necessário você refletir QUEM REALMENTE É JESUS PARA VOCÊ, se você é VERDADEIRAMENTE um cristão ou, desculpem-me a maneira de me expressar, um "diabão", que vive sendo motivo de queda para as pessoas.
  
Que o Espírito Santo nos ajude na nossa reflexão de hoje.
  
Graça e paz!
  
  
Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Evangelho do dia: Marcos 8, 22-28

— O Senhor esteja convosco.
Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos.
Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 22Jesus e seus discípulos chegaram a Betsaida. Algumas pessoas trouxeram-lhe um cego e pediram a Jesus que tocasse nele.23Jesus pegou o cego pela mão, levou-o para fora do povoado, cuspiu nos olhos dele, pôs as mãos sobre ele, e perguntou: “Estás vendo alguma coisa?”24O homem levantou os olhos e disse: “Estou vendo os homens. Eles parecem árvores que andam”. 25Então Jesus voltou a por as mãos sobre os olhos dele e ele passou a enxergar claramente. Ficou curado, e enxergava todas as coisas com nitidez. 26Jesus mandou o homem ir para casa, e lhe disse: “Não entres no povoado!”

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

"O pior cego é aquele que não quer ver"





Bom dia queridos amigos!

O Evangelho de hoje mostra a cura de um cego. Temos um ditado que diz: "O pior cego é aquele que não quer ver". No próprio Evangelho fala que Jesus impoz a mão sobre o cego, e passou saliva em seus olhos, mas mesmo assim ele viu tudo embaralhado, e Jesus teve de tocá-lo novamente.

Muitas vezes recebemos milagres diariamente, mas não conseguimos ver com clareza; somos às vezes muito pessimistas, deixando que o mundo tire nossa visão. Preferindo resolver nossos problemas, do que deixar nas mãos de Deus.

Somos cegos. E o pior é que às vezes somos cegos que não querem ver; pois nossa cegueira vem do egoísmo, da falta de fé, da fraqueza e de tantos outros sentimentos que nos afastam de Deus, que nos faz caminhar cada vez mais nas trevas, impossibilitando nossa visão.

Somos todos pecadores e não somos perfeitos, mas temos que ter a consciência de que Jesus pode nos curar, Ele pode curar nossa cegueira. E queiramos também enxergar, pois Jesus sempre está disposto a curar; mas e nós? Será que nós queremos e temos a fé de ser curados? Que possamos refletir sobre isso. Em que lugar de nossa vida está nossa cegueira? Entregue a Jesus este lugar.

Peçamos então a Graça de sermos levados ao encontro de Cristo, para que Ele cure nossa cegueira e nós possamos enxergar nitidamente o mundo ao nosso redor, para que não sejamos enganados por ele. Sejamos humildes em reconhecer nossa falta de visão e deixemos que Jesus toque com sua saliva salvadora e cure não só nossos olhos, mas toda nossa vida.

Um grande abraço a todos!
A paz de Jesus esteja sempre conosco.


Cinthya Cardoso de Araújo
Leia Mais

Evangelho do Dia - Marcos 8,14-21

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 14os discípulos tinham se esquecido de levar pães. Tinham consigo na barca apenas um pão. 15Então Jesus os advertiu: “Prestai atenção e tomai cuidado com o fermento dos fariseus e com o fermento de Herodes”.
 
16Os discípulos diziam entre si: “É porque não temos pão”. 17Mas Jesus percebeu e perguntou-lhes: “Por que discutis sobre a falta de pão? Ainda não entendeis e nem compreendeis? Vós tendes o coração endurecido? 18Tendo olhos, não vedes, e tendo ouvidos, não ouvis? Não vos lem¬brais 19de quando reparti cinco pães para cinco mil pessoas? Quantos cestos vós recolhestes cheios de pedaços?”
 
Eles responderam: “Doze”. 20Jesus perguntou: E quando reparti sete pães com quatro mil pessoas, quantos cestos vós recolhestes cheios de pedaços? Eles responderam: “Sete.” 21Jesus disse: “E ainda não compreendeis?”
  
 
- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Fermento dos Fariseus

  
Muito bom dia, meus amigos...
  
Bem... antes de qualquer coisa, gostaria de pedir desculpas por estar postando a reflexão só agora à tarde. Tive problemas de conexão de manhã...
  
É interessante a maneira cheia de figuras de linguagem que Jesus utiliza para fazer suas advertências espirituais, não acham? Realmente fica algo cheio de carga significativa... cheio de interpretações...
  
Pus-me a pensar no fermento hoje, enquanto trabalhava... Lembrei-me de quando era criança e minha mãe pedia para ir à padaria comprar Pó Royal para fazer alguns "quitutes" caseiros... Ainda era bem pequeno para pensar nos processos e apreciava bem o resultado final...
  
Foi na escola que vim a aprender mais sobre o precesso de fermentação que fazia a massa do pão, da rosca, do bolo crescer... 
  
Não vou ficar dando aqui explicações do processo em que os fungos se alimentam do açucar da massa, liberando o CO2 , porque não é esse o nosso objetivo. Vou me atentar apenas ao processo que ocorre depois que essa liberação de gás carbônico acontece: a massa incha, cresce e ganha volume.
  
Pensemos no que Jesus nos adverte:
“Prestai atenção e tomai cuidado com o fermento dos fariseus e com o fermento de Herodes”.
Mc 8,15b
Tenho toda certeza que Jesus mandava a gente tomar cuidado com a VAIDADE, com o ORGULHO, com a PREPOTÊNCIA, e o perigo de nos acharmos melhores que as outras pessoas.
    
Infelizmente tais coisas acontecem a muitos que, depois de uma certa caminhada, adquirem cargos e vivem experiências profundas de oração que outras pessoas não tiveram a oportunidade de viver. 
  
Se tais pessoas não foram preparadas para tais momentos, grande é a possibilidade de se "fermentarem" por dentro, deixarem o interior delas ir "inchando", sentindo com que elas são mais importantes, mais sábias, mais experientes e mais merecedoras de atenção e consideração que as demais pessoas...
  
É necessário tomarmos todo cuidado em relação a isso. E quando falo TODO é realmente TODO!!
 
Esse é o primeiro passo para o declínio da vida espiritual de uma pessoa. É justamente por isso que Jesus vem nos alertar nesse dia de hoje.
  
Não podemos nos esquecer NUNCA do que Jesus nos disse que quem quiser ser o primeiro deve, na realidade, ser o último e seguirmos seu exemplo de servidor, mesmo sendo o príncipe, o Senhor.
  
Como andam seu orgulho, sua vaidade espirituais? Você tem se achado "o cara", "a cara"?
  
Cuidado...
  
Que o Espírito Santo possa nos conduzir em nossa reflexão...
  
  
Grande abraço fraternal,
  
  
Márcio Gomes Pacheco
Leia Mais

Evangelho do dia: Marcos 8,11-13

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 11os fariseus vieram e começaram a discutir com Jesus. E, para pô-lo à prova, pediam-lhe um sinal do céu. 12Mas Jesus deu um suspiro profundo e disse: “Por que esta gente pede um sinal? Em verdade vos digo, a esta gente não será dado nenhum sinal”. 13E, deixando-os, Jesus entrou de novo na barca e se dirigiu para a outra margem.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

O verdadeiro sinal: Jesus!


No evangelho de hoje vemos que a graça de Deus, se manifestava a todas as pessoas, sem distinção, porém os fariseus, não possuiam abertura nos corações para receber a palavra de Deus e todas as graças que Jesus trazia consigo quando passava pelas pessoas, as tocava ou falava com elas.

Devemos trazer isso para nosso dia-a-dia e nos colocar como naquela situação, pois talvez estejamos nos transformando em fariseus nas diversas situações em nossa vida.

Hoje, Jesus vem nos chamar atenção para isto. Quantas vezes nós não deixamos a graça passar, porque somos como os fariseus daquela época, que ficavam questionando a Jesus e tentando po-lo à prova?

Quantos de nós não teimamos em pedir sinais à Deus das bênçãos que Ele tem para nossas vidas? Duvidamos, teimamos, questionamos Aquele que já é a própria vida e graça em abundância. Nós precisamos compreender que não
precisamos de pedir a Deus por sinais, pois milagres acontecem todos os dias em nosso meio, a nossa volta e em nossas vidas também. O simples fato de estarmos vivos hoje, não seria um grande motivo para louvar à Deus?

Vamos refletir sobre como temos nos relacionado com Deus, e se não temos feito como os fariseus, pedindo a Deus por sinais, milagres, em troca de nossa fé...
Meus amados, devemos como nos diz a própria palavra de Deus, em primeiro lugar crer para depois vermos a graça de Deus ser manifestada em nossas vidas. E é isto o que Deus espera de nós hoje: se você crer, mesmo que com uma fé tão pequena como a semente da mostarda, mas não duvidar que Jesus é o Nosso Senhor e que Ele pode através do Espírito Santo de Deus operar maravilhas, assim Ele fará, mas não é preciso questioná-lo ou pedir nada em troca, apenas crer.

Convidamos a vocês, nossos irmãos, a realizar a prática do louvor em suas vidas e a agradecer as obras que nós cremos que já irão acontecer, acreditando nas promessas feitas pelo Senhor a nós. Vamos adorar a Deus que a nós vem de forma adequada ao que precisamos. Não esperemos mais, vamos tomar atitude de sermos gratos a Ele, pois não devemos preocupar, tudo nos será dado conforme a vontade do Pai.

Que Deus nos dê a graça de ter um coração aberto e receptivo à ação de Deus para quando Jesus assim quiser, operar maravilhas em nós!

Deus tem um 'banquete' a nos oferecer, aprendamos a confiar para ter a graça de não
receber apenas migalhas.

O segredo é apenas crer!
Paz e bem!!!


Klênia Pereira e Marcos Piter
Leia Mais

Evangelho do dia: Marcos 7,14-23

— O Senhor esteja convosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 14Jesus chamou a multidão para perto de si e disse: “Escutai todos e compreendei: 15o que torna impuro o homem não é o que entra nele vindo de fora, mas o que sai do seu interior. 16Quem tem ouvidos para ouvir ouça”.17Quando Jesus entrou em casa, longe da multidão, os discípulos lhe perguntaram sobre essa parábola. 18Jesus lhes disse: “Será que nem vós compreendeis? Não entendeis que nada do que vem de fora e entra numa pessoa pode torná-la impura, 19porque não entra em seu coração, mas em seu estômago e vai para a fossa?” Assim Jesus declarava que todos os alimentos eram puros.20Ele disse: “O que sai do homem, isso é que o torna impuro. 21Pois é de dentro do coração humano que saem as más intenções, imoralidades, roubos, assassínios, 22adultérios, ambições desmedidas, maldades, fraudes, devassidão, inveja, calúnia, orgulho, falta de juízo. 23Todas estas coisas más saem de dentro e são elas que tornam impuro o homem”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

A pureza está no coração!


Bom dia queridos amigos!


Jesus vem nos mostrar no Evangelho de hoje que a pureza ou impureza não está no exterior, corpo ou alimentos, mas sim no coração. A tradição que os fariseus tinham, por exemplo, Jesus criticava, porque aquilo eram leis dos homens, do mundo, pois era a pureza exterior que os fariseus exigiam; mas na verdade o que importa é nossa pureza interior.

De que adianta termos as mãos limpas se nosso coração é cheio de rancor? Deus não olha se estamos limpos por fora, mas ele olha nosso coração, nossas atitudes. Será que estamos sendo puros aos olhos de Deus?

Devemos prestar mais atenção nas nossas atitudes. Nessa Palavra de hoje, é isso que Deus quer nos falar. Pois nós nos importamos muito com nossa aparência, nossa pureza exterior e esquecemos de olhar como está nosso coração, como está nosso interior.

Sejamos, pois puros em nosso interior! E não externamente. Tenhamos um coração puro, pois é isso que Deus quer de nós. Esqueçamps um pouco as preocupações mundanas e nos preocupemos com nossa pureza interior.

Um grande abraço a todos...

A paz de Jesus esteja com todos nós!




Cinthya Cardoso de Araújo
Leia Mais

Evangelho do dia: Marcos 7,1-13

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos.
Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 1os fariseus e alguns mestres da Lei vieram de Jerusalém e se reuniram em torno de Jesus. 2Eles viam que alguns dos seus discípulos comiam o pão com as mãos impuras, isto é, sem as terem lavado.3Com efeito, os fariseus e todos os judeus só comem depois de lavar bem as mãos, seguindo a tradição recebida dos antigos. 4Ao voltar da praça, eles não comem sem tomar banho. E seguem muitos outros costumes que receberam por tradição: a maneira certa de lavar copos, jarras e vasilhas de cobre. 5Os fariseus e os mestres da Lei perguntaram então a Jesus: “Por que os teus discípulos não seguem a tradição dos antigos, mas comem o pão sem lavar as mãos?” 6Jesus respondeu: “Bem profetizou Isaías a vosso respeito, hipócritas, como está escrito: ‘Este povo me honra com os lábios, mas seu coração está longe de mim. 7De nada adianta o culto que me prestam, pois as doutrinas que ensinam são preceitos humanos’. 8Vós abandonais o mandamento de Deus para seguir a tradição dos homens”. 9E dizia-lhes: “Vós sabeis muito bem como anular o mandamento de Deus, a fim de guardar as vossas tradições. 10Com efeito, Moisés ordenou: ‘Honra teu pai e tua mãe’. E ainda: ‘Quem amaldiçoa o pai ou a mãe deve morrer’.11Mas vós ensinais que é lícito alguém dizer a seu pai e à sua mãe: ‘O sustento que vós poderíeis receber de mim é Corban, isto é, Consagrado a Deus’. 12E essa pessoa fica dispensada de ajudar seu pai ou sua mãe. 13Assim vós esvaziais a Palavra de Deus com a tradição que vós transmitis. E vós fazeis muitas outras coisas como estas”.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Deus vê o coração!


Bom dia irmãos e irmãs, a paz de Jesus a todos nós!

Podemos perceber que o evangelho de hoje é uma alerta para todos nós, para que façamos tudo de coração, como já disse em outras reflexões, Deus vê o coração. Ele realmente se preocupa com o interior, com que intenções foram feitas nossas ações. O principal para Deus não são os detalhes e nem a forma que é feito, mas com qual objetivo foi feita determinada ação, o que passava no coração dessa pessoa no momento dessa ação, qual foi o esforço dessa pessoa em agradar a Deus, pra onde estava direcionado o coração dessa pessoa.

Do que adianta seguirmos tradições e roteiros, mas se nosso coração não está em sintonia com Deus? Se nem nos preocupamos sobre o que Deus irá achar? Se não nos preocupamos em fazer o melhor nosso pra Deus? Ele conhece nossa limitações, conhece tudo sobre nós, o que temos que fazer é sempre estar ligados a Deus, mesmo que sua atitude não venha seguir algumas tradições, mas se sua intenção foi aproximar de Deus, se sua intenção foi agradar a Ele, mesmo que se for da forma mais simples que existir, Ele ficará feliz com sua ação, porque Deus vê o coração e sua atitude veio do coração.

Então, que neste dia peçamos ao Senhor que nos ilumine para que estejamos sempre ligados a Ele, porque, dessa forma, estaremos recebendo sabedoria do Espírito Santo e tendo atitudes dentro do que é a vontade de Deus pra nossa vida.



Fernando Reis Gomes
Leia Mais

Evangelho do dia: Marcos 6,53-56

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 53tendo Jesus e seus discípulos acabado de atravessar o mar da Galiléia, chegaram a Genesaré e amarraram a barca. 54Logo que desceram da barca, as pessoas imediatamente reconheceram Jesus.
55Percorrendo toda aquela região, levavam os doentes deitados em suas camas para o lugar onde ouviam falar que Jesus estava.
56E, nos povoados, cidades e campos onde chegavam, colocavam os doentes nas praças e pediam-lhe para tocar, ao menos, a barra da sua veste. E todos quan¬tos o tocavam ficavam curados.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

O encontro com Nosso Senhor


O Evangelho de hoje nos mostra o quanto temos ânsia por Jesus. Ficamos a imaginar como deviam ficar felizes as pessoas quando viam Jesus por perto, e saber que podiam contar com Aquele que era cheio de bençãos. Esperar por Ele é também lançar mão do nosso comodismo e aproximar desse Deus que é Poderoso.

As pessoas da época de Jesus contavam com a presença física Dele, eram, de certa forma, privilegiadas. No entanto hoje podemos conviver com o mestre por comunhão verdadeira que nos alimenta, assim como outrora Jesus realizava. É lindo pensar que o Nosso Deus todo maravilhoso em seu amor nos faz dignos, mesmo sem o sermos, de nos tornarmos morada viva de Jesus em corpo e sangue somente pra nos dar o gostinho que aquelas pessoas da época do evangelho tinham, de estar com Jesus. Aquele povo demonstrava o quanto eram miseráveis, o quanto os males desse mundo os abatia.

Não diferentes temos essa mesma realidade, de encontrar Jesus, assim como Este o deixa ser encontrado, de acordo com o evangelho. Precisamos, então, meus irmãos refugiarmos debaixo das graças que Ele tem a nos ofertar, buscá-lo na oração, na eucaristia, no amor fraterno, e deixar Ele realizar a obra.

Algo importante também é a necessidade de estarmos atentos a ouvir o Nosso Senhor. Muitas vezes ficamos tão focados em nossos próprios problemas e deixamos de receber as graças disponíveis e ofertadas por Deus. Que possamos estar abertos à ação de Dele nas diversas situações de nossa vida, certos da presença constante e fiel de Jesus.

Quantas vezes passamos diante da Igreja, angustiados e desnorteados e nem sempre se quer paramos para visitar o Deus vivo e verdadeiro que nos espera? Jesus está à nossa espera, disposto, como no evangelho, a realizar as curas, milagres e libertações dos males de nossa vida. Ele nos espera,irmãos, pois, Ele é amor. Assim façamos irmãos, como no evangelho: alegremo-nos em saber que podemos contar com esse Deus que quer nos libertar.

A Paz a todos!!!


Klênia Pereira e Marcos Piter.
Leia Mais

Evangelho do dia: Marcos 5,21-43

— O Senhor esteja conosco.
— Ele está no meio de nós.
— Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo † segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor.

Naquele tempo, 21Jesus atravessou de novo, numa barca, para outra margem. Uma numerosa multidão se reuniu junto dele, e Jesus ficou na praia. 22Aproximou-se, então, um dos chefes da sinagoga, chamado Jairo. Quando viu Jesus, caiu a seus pés, 23e pediu com insistência: “Minha filhinha está nas últimas. Vem e põe as mãos sobre ela, para que ela sare e viva!”
24Jesus então o acompanhou. Numerosa multidão o seguia e comprimia. 25Ora, achava-se ali uma mulher que, há doze anos, estava com hemorragia; 26tinha sofrido nas mãos de muitos médicos, gastou tudo o que possuía, e, em vez de melhorar, piorava cada vez mais.
27Tendo ouvido falar de Jesus, aproximou-se dele por detrás, no meio da multidão, e tocou na sua roupa. 28Ela pensava: “Se eu ao menos tocar na roupa dele, ficarei curada”. 29A hemorragia parou imediatamente, e a mulher sentiu dentro de si que estava curada da doença. 30Jesus logo percebeu que uma força tinha saído dele. E, voltando-se no meio da multidão, perguntou: “Quem tocou na minha roupa?” 31Os discípulos disseram: “Estás vendo a multidão que te comprime e ainda perguntas: ‘Quem me tocou’?”
32Ele, porém, olhava ao redor para ver quem havia feito aquilo. 33A mulher, cheia de medo e tremendo, percebendo o que lhe havia acontecido, veio e caiu aos pés de Jesus, e contou-lhe toda a verdade. 34Ele lhe disse: “Filha, a tua fé te curou. Vai em paz e fica curada dessa doença”.
35Ele estava ainda falando, quando chegaram alguns da casa do chefe da sinagoga, e disseram: “Tua filha morreu. Por que ainda incomodar o mestre?” 36Jesus ouviu a notícia e disse ao chefe da sinagoga: “Não tenhas medo. Basta ter fé!” 37E não deixou que ninguém o acompanhasse, a não ser Pedro, Tiago e seu irmão João. 38Quando chegaram à casa do chefe da sinagoga, Jesus viu a confusão e como estavam chorando e gritando.
39Então, ele entrou e disse: “Por que essa confusão e esse choro? A criança não morreu, mas está dormindo”. 40Começaram então a caçoar dele. Mas, ele mandou que todos saíssem, menos o pai e a mãe da menina, e os três discípulos que o acompanhavam. Depois entraram no quarto onde estava a criança. 41Jesus pegou na mão da menina e disse: “Talitá cum” — que quer dizer: “Menina, levanta-te!” 42Ela levantou-se imediatamente e começou a andar, pois tinha doze anos. E todos ficaram admirados. 43Ele recomendou com insistência que ninguém ficasse sabendo daquilo. E mandou dar de comer à menina.


- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

"Basta ter Fé!"


Bom dia irmãos e irmãs, que a paz de Jesus esteja conosco!

Que palavra linda temos hoje! Passagem que nos mostra o que acontece com aqueles que acreditam no poder de Jesus. Não sei como está sua vida hoje, não sei se você tem um grande problema que parece sem solução, uma doença sem cura, não sei como está realmente seu coração, mas sei que existe uma pessoa que conhece tudo de você, que está pronto para te ajudar, socorrer, curar, amar..., basta que você busque-O e confie n’Ele. Essa pessoa de quem falo é Jesus, o Mestre dos mestres, Rei dos reis. Ele pode tudo na sua vida!

Jesus sempre estará pronto para aliviar seu fardo, basta que você entregue sua vida nas mãos d’Ele, mas entregar verdadeiramente é confiar, acreditar. Vamos analisar a vida daquela mulher que sofria de hemorragia, como será que estava o coração dela após passar por vários médicos e ver sua doença só piorando?

É muito triste uma situação dessas, mas eu pergunto: ela desistiu diante das dificuldades de sua vida? Deixou por acaso de procurar uma solução? Não, ela foi atrás, acreditou, por mais adversa que a situação poderia parecer, até mesmo para chegar em Jesus (pois havia uma multidão ao redor dEle), ela buscou... Mas o que levou essa mulher ter tanta força naquela situação? O que a levou ter tanta garra para conseguir sair daquela situação de sofrimento? Foi a confiança em Deus, a fé de que Jesus poderia curá-la, e foi o que realmente aconteceu.

A parte que fala do pedido de Jairo vem nos mostrar, mais uma vez, que Jesus se comove com nosso clamor, e que Ele está sempre pronto a atender nosso pedidos que são feitos com fé e que serão bons para nossa vida. Sua tranqüilidade diante da morte da filha de Jairo, demonstra que os problemas que para nós parecem ser grandiosos, para Ele são pequenos, pois seu poder é grande, como Jesus mesmo disse: “ Basta ter fé”.

Um pensamento muito dito, às vezes até mecanicamente, é muito verdadeiro, se o analisarmos e o colocarmos em prática: “Não mostre para seu Deus o tamanho do seu problema, mas mostre para o seu problema o tamanho do seu Deus”. Entregar tudo nas mãos de Deus e fazer nossa parte, “Basta ter fé”. A mulher que sofria de hemorragia precisou fazer sua parte, enfrentar toda multidão para encostar pelo menos na roupa de Jesus, e Jairo apesar de saber que sua filha já estava nas últimas acreditou que Jesus poderia dar um jeito na situação e levou Ele em sua casa. Então, pare de ficar só pensando que seu problema não tem solução, vai atrás da solução, busque quem pode resolver, acredite, “Basta ter fé”, Jesus tudo pode.


Fernando Reis Gomes
Leia Mais

Evangelho do dia: Lucas 2,22-40

— O Senhor esteja conosco!
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas.
— Glória a vós, Senhor!

22Quando se completaram os dias para a purificação da mãe e do filho, conforme a lei de Moisés, Maria e José levaram Jesus a Jerusalém, a fim de apresentá-lo ao Senhor. 23Conforme está escrito na lei do Senhor: “Todo primogênito do sexo masculino deve ser consagrado ao Senhor”.
24Foram também oferecer o sacrifício — um par de rolas ou dois pombinhos — como está ordenado na Lei do Senhor. 25Em Jerusalém, havia um homem chamado Simeão, o qual era justo e piedoso, e esperava a consolação do povo de Israel. O Espírito Santo estava com ele 26e lhe havia anunciado que não morreria antes de ver o Messias que vem do Senhor.
27Movido pelo Espírito, Simeão veio ao Templo. Quando os pais trouxeram o menino Jesus para cumprir o que a Lei ordenava, 28Simeão tomou o menino nos braços e bendisse a Deus: 29“Agora, Senhor, conforme a tua promessa, podes deixar teu servo partir em paz; 30porque meus olhos viram a tua salvação, 31que preparaste diante de todos os povos: 32luz para iluminar as nações e glória do teu povo Israel”.
33O pai e a mãe de Jesus estavam admirados com o que diziam a respeito dele. 34Simeão os abençoou e disse a Maria, a mãe de Jesus: “Este menino vai ser causa tanto de queda como de reerguimento para muitos em Israel. Ele será um sinal de contradição. 35Assim serão revelados os pensamentos de muitos corações. Quanto a ti, uma espada te traspassará a alma”.
36Havia também uma pro¬fe¬tisa, chamada Ana, filha de Fa¬nuel, da tribo de Aser. Era de idade muito avançada; quando jovem, tinha sido casada e vivera sete anos com o marido. 37Depois ficara viúva, e agora já estava com oitenta e quatro anos. Não saía do Templo, dia e noite servindo a Deus com jejuns e orações. 38Ana chegou nesse momento e pôs-se a louvar a Deus e a falar do menino a todos os que esperavam a libertação de Jerusalém.
39Depois de cumprirem tudo, conforme a Lei do Senhor, voltaram à Galiléia, para Nazaré, sua cidade. 40O menino crescia e tornava-se forte, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava com ele.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

O cumprimento das promessas de Deus

No evangelho de hoje vemos o cumprimento da 'profecia' feita à Simeão por Deus.
Simeão era homem simples, humilde, mas mantinha profunda comunhão com Deus, pois o Espírito Santo habitava nele. A ele foi revelado que não morreria sem ver aquele que seria o 'Salvador' da humanidade.
Quando Jesus foi levado por seus pais para ser apresentado no templo, como era o costume da época, Simeão louvou a Deus, dizendo que a partir de então poderia morrer em paz, pois Deus cumpriu o que prometera.
Mas, através de Simeão também conhecemos uma profecia que Deus lhe revelara: Jesus seria motivo de queda e soerguimento para muitos homens em Israel, sinal de contradições e ainda que Maria teria a sua alma transpassada por uma espada.
Vamos refletir um pouco sobre o que o Senhor queria dizer ao dar a este profeta tais palavras!
Todos sabemos que Jesus veio ao mundo em forma humana, para carregar por nós todas as nossas culpas, enfermidades, pecados, por amor de Deus a todos nós, mas infelizmente, tanto naquela época, quanto nos dias atuais, sabemos que existem muitas pessoas incrédulas e que até 'zombam' do Senhor. Muitos não creram e por isso perderam e perdem a graça bem diante dos seus olhos. Isto é motivo de queda!!!
Quanto à Maria, a revelação dada por Simeão significava que ela teria o seu coração transpassado não fisicamente, mas na alma, pela dor que sentiria ao ver Jesus passar por todo o sofrimento, sendo este necessário, para que pudéssemos ser salvos.
Assim, para nós que cremos no Senhor lembremo-nos sempre de pedir à Jesus para que olhe por nós, no nosso dia-a-dia, pelas nossas dores, alegrias, tristezas, nossos projetos, sonhos... E também, devemos pedir a intercessão da Mãe, que também teve a alma transpassada e está pronta a nos acolher com seu coração amoroso.


Klênia Pereira e Marcos Piter.
Leia Mais

Vamos ler? MARCOS 1, 21-28

— O Senhor esteja convosco!
— Ele está no meio de nós.
— PROCLAMAÇÃO do Evangelho de Jesus Cristo, segundo Marcos.
— Glória a vós, Senhor!

21Na cidade de Cafarnaum, num dia de sábado, Jesus entrou na sinagoga e começou a ensinar.
22Todos ficavam admirados com o seu ensinamento, pois ensinava como quem tem autoridade, não como os mestres da Lei.
23Estava então na sinagoga um homem possuído por um espírito mau. Ele gritou:
24“Que queres de nós, Jesus Nazareno? Vieste para nos destruir? Eu sei quem tu és: tu és o Santo de Deus”.
25Jesus o intimou: “Cala-te e sai dele!”
26Então o espírito mau sacudiu o homem com violência, deu um grande grito e saiu.
27E todos ficaram muito espantados e perguntavam uns aos outros: “O que é isto? Um ensinamento novo dado com autoridade: Ele manda até nos espíritos maus, e eles obedecem!”
28E a fama de Jesus logo se espalhou por toda a parte, em toda a região da Galiléia.

- Palavra da Salvação.
- Glória a vós, Senhor.
Leia Mais

Onde habita a LUZ as trevas não encontram lugar



Bom dia, queridos irmãos!

Estou de volta, graças a Deus! E hoje refletiremos juntos sobre a libertação do mal que Jesus realiza nas nossas vidas.

A passagem do Evangelho de São Marcos que lemos hoje nos mostra o demônio reconhecendo Jesus como o Santo de Deus. E Jesus, com uma autoridade nunca antes vista, ordena que o demônio se cale e se retire daquele homem.

Aquele espírito imundo obedeceu imediatamente a Jesus, sabendo de sua autoridade, reconhecendo que Ele é o Poderoso Deus.

Irmãos, o inimigo sabe muito bem de tudo que Jesus é capaz de realizar, de todo o Seu poder. Então, a sua arma é enganar as pessoas com medos, ilusões, mentiras; e aquele que não está em constante vigília acaba caindo nessas enganações, deixando que o mal impere na sua vida ao invés de clamar a Deus que manifeste o Seu poder e dissipe todo o mal.

Jesus quer imperar nas nossas casas, nas nossas vidas, nos nossos relacionamentos! Mas nem sempre nós deixamos, nem sempre convidamos Jesus para estar conosco livrando-nos do mal; e muitas vezes acabamos deixando que o inimigo se utilize de situações e de pessoas para nos enganar e nos tirar da presença de Deus.

Portanto, é preciso vigiar!!! É preciso orar em todas as circunstâncias, é preciso jejuar, confessar-se, rezar o terço, procurar a Eucaristia... Precisamos tomar a postura de ordem de batalha, dizendo NÃO ao inimigo, com a autoridade de filho de Deus que nos foi conferida. Nós já somos vencedores em Jesus!

E assim como Jesus o fez naquela época, hoje precisamos fazer calar o inimigo que se manifesta nas mais diversas situações da vida: na televisão, nas músicas satânicas, nas novelas que só destroem as famílias, no consumismo, na sexualidade desregrada...

É preciso levar Jesus pra dentro de nossas famílias! É Ele o nosso Senhor e Deus, é Ele quem deve reinar, e não a cerveja, o cigarro, o desrespeito, a falta de diálogo...

Onde habita a LUZ as trevas não encontram lugar!

Que Jesus se manifeste como luz na vida de todos nós...

Anaíle Flôres de Paula
Leia Mais

Postagens mais visitadas

Ouça a Rádio Canção Nova



Seguidores

 

Sobre A Boa Semente!

A Boa Semente foi fundada em 2007. É uma criação do Grupo de Oração Semeador, da Renovação Carismática Católica da cidade de Inhumas GO. É um instrumento de evangelização sem fins lucrativos.

Sua principal missão é semear a Boa Semente através de reflexões diárias do evangelho. Você também pode fazer parte dessa família, entre em contato conosco e saiba como!

Os artigos são de responsabilidade de seus respectivos autores.

Deus te abençoe sempre!

Visite Meu Canto Secreto e descubra mais sobre o autor desse instrumento de evangelização. Mais uma criação Vocenanet.com VCN