Ocorreu um erro neste gadget

07/08 - Seguindo os Passos do Mestre




Muito bom dia, meus amigos!

Iniciando nossa reflexão, temos hoje três situações interessantes vividas por Jesus em nossa passagem de hoje:
  1. Após a multiplicação dos pães, Jesus se preocupa até o último instante com o povo que acabara de alimentar materialmente e fisicamente, ficando com eles até o último instante e pedindo que seus discípulos partissem na sua frente;
  2. Jesus sente necessidade de subir ao monte para orar, logo após realizar um grande trabalho espiritual;
  3. Pedro, confiando na voz do Mestre, segue uma ordem absurda aos olhos humanos após receber uma ordem do Senhor.
No nosso primeiro tópico, temos um fato interessantíssimo! Jesus acabara de pregar para uma grande multidão no deserto. Depois de ter oferecido um banquete espiritual, promove o primeiro grande milagre da multiplicação dos pães. Mas, algo realmente bonito e que geralmente nos passa despercebido, está no final desse acontecimento. Ele poderia ter partido dali, como grande parte da maioria das pessoas que se sentem "estrelas" faz, saindo de mansinho sem que ninguém percebesse. Porém, Ele ainda continou lá até que todos tivessem ido embora.

Em seguida, Ele parte para o monte para orar. Olhem só, Ele tinha acabado de fazer um grandiosíssimo trabalho social e de evangelização. Tinha se doado ao extremo. Ele próprio sabia da grande necessidade pessoal de novamente se abastecer do Espírito Santo para continuar o processo de anunciação da Boa Nova. E o que Ele faz? Ele corre para os braços do Pai. Simbolicamente falando, quando temos na Bíblia alguém subindo no monte para orar, significa que a pessoa está querendo se aproximar mais de Deus, se abastecer do Espírito Santo para buscar novas empreitadas na fé.

Quando, já de madrugada, Ele termina sua oração pessoal, vai ao encontro de seus discípulos. Detalhe: Ele vai andando sobre as águas! Quando o vêem, seus discípulos entram em pânico e pensam tratar-se de algum espírito do além, algum fantasma.

Imaginem a situação... Estavam no meio de um vendaval em alto mar, o barco balançando de um lado para o outro; perigo de naufrágio e, de repente, alguém andando sobre as águas.

Jesus, então, se apresenta, tentando acalmá-los. É quando aparece na cena o nosso amigo Pedrão... Ele, sim, conhecia a voz do Mestre e era capaz de fazer qualquer coisa, se a ordem viesse de Sua voz. Assim acontece com a ovelha que conhece bem seu pastor, escuta sua voz e vai para onde ele as guia.

Pedro pede que se fosse Ele mesmo, que ordenasse que seu discípulo fosse ao seu encontro caminhando sobre a água. Assim, então, acontece e Pedro nem pensa duas vezes para pular na água e sair andando. Porém, no meio do caminho ele pensa no absurdo que estava acontecendo e, ao mesmo tempo, sua fé é minada. Consequentemente ele começa a afundar e clama ajuda ao Senhor, que estende sua mão e o socorre.

Pessoal. Devemos seguir o exemplo de Pedro, sobre o que fazer e o que não fazer. Seguir seu exemplo de seguir as ordens de Jesus, por mais absurdas que pareçam ser e não deixar que nossa fé seja abalada, quando estivermos seguindo tais ordens.

Porém, existe um grande problema nesse processo todo. Para escutarmos a voz de Jesus, é necessário antes de mais nada sermos íntimos dEle. Intimidade só vem através de várias experiências pessoais... não vem apenas de um encontro ou outro. É um processo diário!

Você se sente íntimo de Jesus? Você conversa com Ele todos os dias? Essa sua conversa é diálogo ou monólogo? Você deixa Jesus falar com você ou é só você quem fala?

É hora de você começar a se aproximar mais do Mestre. Ele quer falar no seu coração o segredo do caminho verdadeiro à felicidade. Tenho certeza de que é isso o que você mais quer, não é verdade?

Então, pra que ficar perdendo tempo?

Que o Espírito Santo possa te iluminar, te preencher e te fazer cada vez mais amigo íntimo de Jesus!

Grande abraço fraternal,


Márcio Gomes Pacheco

0 Comentário(s). Clique aqui!:

Postagens mais visitadas

Ouça a Rádio Canção Nova



Seguidores

 

Sobre A Boa Semente!

A Boa Semente foi fundada em 2007. É uma criação do Grupo de Oração Semeador, da Renovação Carismática Católica da cidade de Inhumas GO. É um instrumento de evangelização sem fins lucrativos.

Sua principal missão é semear a Boa Semente através de reflexões diárias do evangelho. Você também pode fazer parte dessa família, entre em contato conosco e saiba como!

Os artigos são de responsabilidade de seus respectivos autores.

Deus te abençoe sempre!

Visite Meu Canto Secreto e descubra mais sobre o autor desse instrumento de evangelização. Mais uma criação Vocenanet.com VCN