Ocorreu um erro neste gadget

Não atireis vossas pérolas aos porcos

No evangelho de hoje (Mateus 7, 6. 12-14) Jesus vem nos falar sobre o caminho que leva à vida (eterna). Jesus sendo Deus vem revelar aos homens os desígneos de Deus para humanidade. Neste evangelho nos são apresentados alguns princípios:

"12Tudo quanto quereis que os outros vos façam, fazei também a eles. Nisto consiste a Lei e os Profetas. "

É preciso fazer o bem aos outros, independentemente de haver reciprocidade ou recompensa.
Os mandamentos que Jesus nos propõe são radicais e profundamente transformadores; são princípios que transformam a mentalidade humana levando-nos a uma compreensão nova da vida e de nós mesmos. Se os homens seguissem as propostas de Jesus, nossas vidas seriam profundamente transformadas, principalmente pelas mudanças gerada nas estruturas e instituições sociais.


No entanto, Jesus que conhece o coração humano e as mazelas causadas por nossos pecados vem nos alertar:

13Entrai pela porta estreita, porque larga é a porta e espaçoso é o caminho que leva à perdição, e muitos são os que entram por ele!14Como é estreita a porta e apertado o caminho que leva à vida! E são poucos os que o encontram!

Esta é outra realidade que Jesus nos revela: muitos rejeitarão a graça de Deus. Nem todos seremos salvos, inclusive o Senhor nos mostra que poucos encontram o caminho da verdade. Esta é uma realidade muito importante e deve nos servir de alerta: Deus é misericordioso sim, mas Ele é justo!

Deus apesar de nós amar (mesmo sendo pecadores) não aceita o pecado, não há um "equilíbrio" entre o bem e o mal como algumas doutrinas orientais apregoam. Nem mesmo há uma necessidade do mal para existência (ou reconhecimento) do bem como na doutrina maniqueísta.

Por fim, vale meditar este trecho que muitas vezes parece misterioso:

6“Não deis aos cães as coisas santas, nem atireis vossas pérolas aos porcos; para que eles não as pisem com os pés e, voltando-se contra vós, vos despedacem.

Jesus nos fala que temos que dar testemunho de vida! Não podemos ser falsos e nem mesmo utilizar da religião ou da boa fé das pessoas para obter vantagens, para o nosso próprio interesse! Pelo contrário, seguir Jesus não é seguir uma filosofia, mas antes é ter um encontro pessoal, verdadeiro, com Jesus Cristo. Viver Suas palavras! Muito mais do que dizer coisas bonitas, moralmente aceitáveis, é preciso ter atitudes cristãs. E isso traz consigo perseguições, dificuldades, desafios!

Caso contrário estaremos servindo como inimigos de Cristo, como pedras de tropeço, que ao invés de levar os outros a conhecê-Lo criamos mais barreiras que as atrapalham a conhecer a verdadeira face dEle.

Quando não damos testemunho de Jesus; quando colocamos "as coisas santas" à nosso próprio serviço; quando somos egoístas preocupados apenas com nossos problemas; preocupados apenas com a nossa vida, nossas necessidades; quando nos passamos por pessoas religiosas, justas, mas que diante dos pobres, dos doentes, dos presos, de pessoas que não nos são convenientes ou de situações difíceis nos esquivamos e não agimos como imitadores de Jesus Cristo!

Isto é algo muito sério: vê-se por toda parte usar o nome de Jesus, surgirem novas "igrejas", novos "pastores", cantores, escritores... No entanto, o que se vê das atitudes que Jesus tinha? Vemos "pastores" se enriquecendo com o dinheiro de dízimos de "igrejas" que se dizem Cristãs - é verdade que o missionário tem o direito à um salário - no entanto, se enriquecer usando da missão é algo no mínimo duvidoso e que serve como impecilho à fé de muitos! Vemos muito mercado das "coisas santas" - e não há nada de errado em se utilizar do mercado se o objetivo maior for levar a mensagem de Jesus até os confins da terra - no entanto, para onde vão os lucros dessas vendas? Isto também serve como impecilho à fé de muitos!

Colocar em risco a credibilidade do evangelho é "dar aos cães as coisas santas", porque faz com que "voltando-se contra vós, vos despedacem" ou seja, compromete a missão principal que é levar as pessoas a conhecer Jesus e conhecendo-o crêr nEle. Peçamos a Deus a graça de sermos fiéis e viver suas palavras a qualquer custo.

Louvado seja nosso senhor Jesus Cristo!

Rafael Simões


1 Comentário(s). Clique aqui!:

Anaíle Flores disse...

Muito rica essa reflexão, Rafael! Eu até vou ler de novo agora para assimilar bem cada palavra... Que o Espírito Santo esteja sempre te ungindo!

Postagens mais visitadas

Ouça a Rádio Canção Nova



Seguidores

 

Sobre A Boa Semente!

A Boa Semente foi fundada em 2007. É uma criação do Grupo de Oração Semeador, da Renovação Carismática Católica da cidade de Inhumas GO. É um instrumento de evangelização sem fins lucrativos.

Sua principal missão é semear a Boa Semente através de reflexões diárias do evangelho. Você também pode fazer parte dessa família, entre em contato conosco e saiba como!

Os artigos são de responsabilidade de seus respectivos autores.

Deus te abençoe sempre!

Visite Meu Canto Secreto e descubra mais sobre o autor desse instrumento de evangelização. Mais uma criação Vocenanet.com VCN