Ocorreu um erro neste gadget

Sacramento da Confissão ou Penitência


O Sacramento da Confissão é um dos mais belos, embora não seja tão bem visto ou compreendido por muitos cristãos. Ele é também conhecido como Sacramento da Reconciliação e como o próprio nome sugere, é um canal através do qual temos acesso para nos reconciliarmos com Deus, e por isso é tão belo e importante.

Para todos que buscam uma vida de santidade e comunhão com Deus, este sacramento é um dos elos necessários para obtermos isso.

Quando falamos em confissão ou penitência, geralmente associamos a algo ruim ou que nos envergonha, quando na verdade deveria ser o oposto. Através da confissão, temos a chance de reaproximarmos de Deus sem máscaras e apresentarmos nossa vida tal como ela é, com erros e acertos. Sobretudo, abrirmos nosso coração e confessarmos diante do Sacerdote (que naquele momento representa o próprio Jesus), que erramos sim, mas estamos dispostos a mudar, e corrigir aquilo que nos distancia de Sua graça e presença.

Reconciliarmos com Deus é simplesmente ‘rasgarmos’ nosso coração em Sua presença, sabendo que Ele pode e quer nos perdoar. Basta termos este gesto concreto de humildade e entrega verdadeira diante Dele, para que Ele possa também nos curar e abençoar.

Podemos verificar a misericórdia de Deus, se estamos dispostos a nos reconciliar com Ele. Um bom exemplo se encontra no livro do Profeta Jeremias (Cap. 18, 6-9) quando este inspirado por Deus teve uma visualização, na qual somos comparados com a argila em Suas Mãos, pois Ele nos molda conforme a Sua vontade, e que se nos afastarmos dos maus caminhos Ele está disposto a nos abençoar ao invés de punir.

Deus está sempre disposto a nos perdoar e acolher, basta chegarmos até Ele e abrimos nosso coração. Fazemos isto através da presença de um sacerdote, que tem a autoridade de nos absolver dos pecados que cometemos. Quando assim o fazemos, rompemos com uma barreira que tantas vezes o pecado nos impõe e voltamos a ter livre acesso ao trono do Pai. Que possamos nesta semana refletir sobre nossa vida, nossa conduta e buscar esta reconciliação com o Pai, que está a nossa espera de braços abertos sempre.

‘... Aproximai-vos de Deus, e Ele se aproximará de vós. Lavai as mãos, pecadores, e purificai os vossos corações, ó homens de dupla atitude. Reconhecei a vossa miséria, afligi-vos e chorai. Converta-se o vosso riso em pranto e a vossa alegria em tristeza. Humilhai-vos na presença do Senhor e Ele vos exaltará.’
Tg. 4, 8-10


Klênia Pereira Pires

2 Comentário(s). Clique aqui!:

Marcio Pacheco disse...

Klênia,

Parabéns pelo artigo...

Realmente é algo maravilhoso quando passamos pela experiência de fazer uma confissão bem feita...

Tive a oportunidade de me confessar no sábado passado e posso dizer que foi uma experiência indescrítivel. A sensação é algo como estar sujo e tomar um banho bem gostoso!

Infelizmente poucas pessoas têm noção de quão importante é esse sacramento para nossa santificação.

Que o Espírito Santo possa nos conduzir e fazer de nós pessoas cada vez mais compromissadas com os sacramentos do Senhor.

[]s e que Deus te abençoe cada vez mais!

Anaíle Flores disse...

Parabéns pelo artigo, Klêninha!
O sacramento da Confissão é remédio para a alma dos pecadores... Acho que a palavra que mais combina com a confissão é alívio! Que todos sejam guiados pelo Espírito Santo para entenderem isso de coração...
Abraços!

Postagens mais visitadas

Ouça a Rádio Canção Nova



Seguidores

 

Sobre A Boa Semente!

A Boa Semente foi fundada em 2007. É uma criação do Grupo de Oração Semeador, da Renovação Carismática Católica da cidade de Inhumas GO. É um instrumento de evangelização sem fins lucrativos.

Sua principal missão é semear a Boa Semente através de reflexões diárias do evangelho. Você também pode fazer parte dessa família, entre em contato conosco e saiba como!

Os artigos são de responsabilidade de seus respectivos autores.

Deus te abençoe sempre!

Visite Meu Canto Secreto e descubra mais sobre o autor desse instrumento de evangelização. Mais uma criação Vocenanet.com VCN