Ocorreu um erro neste gadget

Um Plebiscito para o aborto?


Dentro de uma semana, na próxima Quarta-feira dia 15/08, acontecerá em brasília uma passeata em defesa da vida, contra o aborto, esta será na Esplanada dos Ministério às 17:00 hs. Em vista dessa importante iniciativa, estaremos postando no blog artigos sobre o tema. Dando argumentos sólidos e formação sobre o assunto.

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, defendeu que a sociedade brasileira decida se quer a legalização do aborto. Por outro lado o governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), no último Dia Internacional da Mulher, se disse favorável à legalização do aborto. Arma-se o Plano diabólico para aprovar o aborto; e o seu ninho agora é o próprio governo.

Um projeto prevendo o Plebiscito foi aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado. Nitidamente há atrás dessa proposta de Plebiscito do aborto, uma intenção de aprovar este crime nefando no Congresso Nacional. Com a desculpa de que o aborto clandestino causa a morte de muitas mulheres pobres, então, seria preciso aprovar o aborto para que, a Rede pública de saúde faça o “aborto legal e hiegiênico” para essas mulheres. Assim argumentam os defensores do aborto.

Nesta lógica, o nosso dinheiro dos impostos seria usado para matar as criancinhas no ventre da mãe, de maneira “segura e higiênica”, para as mães, mas destruidora para as crianças. Os cristão não podem se calar diante de mais esta trama que surge no horizonte.

Ora, a solução das mortes de mulheres que fazem aborto clandestino, não é matar a criança no seu ventre; mas receber esta criança, respeitar o seu direito de nascer, não abortar. Se a criança foi gerada – não importa o meio e as circunstâncias – ela tem o direito à vida; é um ser autônomo. Ela não pode pagar com a vida a culpa que não é dela.

O Plebiscito é mais uma jogado dos adeptos do aborto legal; porque sabem que é fácil “fazer a cabeça” desse nosso povo ignorante e mal informado; basta uma “avalanche” de dinheiro do governo para as ONGs favoráveis ao aborto legal , e elas inundarão os lares dos brasileiros de muitos “argumentos” falsos, mas emocionais, em favor da aprovação do aborto. Esta tática é clássica dos adeptos do aborto legal.

Não há dúvida de que estamos diante de mais uma arapuca assassina, com o aval do governo federal. A vida não pode ser colocada
em Plebiscito. A vida está acima de tudo. Se aceitarmos que
algum argumento é suficiente para se eliminar a vida, dentro de pouco tempo a vida poderá ser eliminada por qualquer argumento. É uma traição à vida propor que ela seja decidida em Plebiscito; é dever do governo defender a vida desde a concepção, como está
em nossa Constituição; e não conspirar contra ela. As criancinhas estão sendo juradas de morte já no seio de suas mães. Justamente elas, que foram criadas por Deus, principalmente para gerar e defender a vida, agora se põem contra a vida. Ó mãe, onde está a tua dignidade?!

É preciso lembrar às mães que nem a cobra mata o seu filhinho no ninho; a tartaruga e a galinha não matam os seus filhotes no ovo. Como então, pode a mãe aceitar matar o seu bebê? Matar a criança no ventre da mãe é a mais nefanda covardia. É a covardia do forte contra o fraco, do nascido contra o não nascido; do potente contra o indefeso. É o forte orgulhoso e egoísta que não quer que o pequeno nasça para não lhe fazer concorrência nesta vida, de modo que ele possa desfrutar dos prazeres deste mundo com mais liberdade, sem concorrente

Ó miserável homem que esquece que o maior valor é a vida!Ó miserável pecador que já não mais reconhece o seu Deus!Ó egoísta impenitente que quer usufruir desta vida sozinho, sem dar espaço aos outros! Deus um dia pedirá contas de seus atos.

Tudo isto é o império do hedonismo (a busca do prazer como fim), do materialismo que valoriza mais as coisas que a vida, do paganismo que vai expulsando Deus do mundo, das leis, dos hospitais, das escolas, das fábricas, dos governos, dos parlamentos…

Diga não a esta hediondez de submeter a vida a um julgamento público; desde quando a vida criada por Deus pode ser julgada pelos homens? Que loucura é essa que tomou conta de parte da humanidade?

E você, vai ficar calado? Vai permitir que a vida seja massacrada sob o seu silêncio? Vai permitir que tanto sangue inocente seja derramado injusta e covardemente?

Gostaria de, mais uma vez, plagiar Luther King: não tenho medo da audácia dos maus; me apavora o silêncio dos bons.

0 Comentário(s). Clique aqui!:

Postagens mais visitadas

Ouça a Rádio Canção Nova



Seguidores

 

Sobre A Boa Semente!

A Boa Semente foi fundada em 2007. É uma criação do Grupo de Oração Semeador, da Renovação Carismática Católica da cidade de Inhumas GO. É um instrumento de evangelização sem fins lucrativos.

Sua principal missão é semear a Boa Semente através de reflexões diárias do evangelho. Você também pode fazer parte dessa família, entre em contato conosco e saiba como!

Os artigos são de responsabilidade de seus respectivos autores.

Deus te abençoe sempre!

Visite Meu Canto Secreto e descubra mais sobre o autor desse instrumento de evangelização. Mais uma criação Vocenanet.com VCN