Ocorreu um erro neste gadget

O zelo pelo templo


Bom dia, queridos irmãos!

Estamos no terceiro domingo da Quaresma, que é um tempo em que buscamos viver a conversão, o jejum, a penitência, para nos prepararmos para a Páscoa do Senhor Jesus. Por isso, a primeira pergunta é: você tem vivido esse tempo de conversão, conforme a Igreja nos pede? O que você tem feito de diferente na sua vida para voltar mais o seu coração a Deus e aos irmãos?

Hoje o Evangelho nos fala sobre o zelo com o templo. O templo de Jerusalém havia se tornado casa de comércio e de trocas cambiárias; era costume judaico oferecer animais em sacrifício a Deus, como bois, ovelhas e pombas, assim criou-se o hábito de comercializar esses animais no próprio templo. Ao ver essa situação, Jesus ficou indignado.

Dessa passagem tiramos três lições principais:

1ª) Precisamos ter zelo pela casa do Pai, pelo templo, respeitando-o, como se respeita a própria casa, a casa do vizinho... Muitas vezes esquecemos, na Igreja, que ali mora o Santíssimo Sacramento e fazemos certas coisas que não condizem com o ambiente, como gritar, xingar, contar piadas. Devemos respeitar a casa do Senhor!

2ª) Para Jesus, mais importante que o templo físico (construção) é o templo humano, ou seja, o coração. E quando Ele diz que mesmo que destruam o templo Ele pode reconstruí-lo, ele está dizendo que pode curar e modificar o coração de quem se abre e deseja a conversão. Assim, mais ainda do que zelar pelo templo físico, devemos zelar pelo templo espiritual, que é o ser humano, amando-o e dignificando a sua vida!

3ª) O Senhor não deseja que façamos sacrifícios apenas para cumprir um ritual, uma tradição, como por exemplo deixar de comer carne, ou de comer doces, ou de tomar refrigerante, só porque é Quaresma e todo ano eu tenho costume de fazer isso. Não! O Senhor recebe os sacrifícios que brotam do coração, atos de jejum e penitência que tenham como objetivo a conversão verdadeira, a mudança de vida. Jesus se alegra com atitudes de fuga do pecado, com atitudes de amor ao irmão, porque dessa forma nós estamos amando a Ele.

Portanto, todos nós somos templos de Jesus, somos Sacrários Vivos! Precisamos refletir e observar se estamos tratando as pessoas ao nosso redor como templos de Deus, zelando por elas e amando-as.

Além disso, precisamos refletir sobre os tipos de sacrifícios que estamos oferecendo a Deus: se estamos oferecendo sacrifícios apenas para cumprir uma tradição, estamos no caminho errado e essa é a hora de se abrir para a verdadeira conversão do coração a Jesus e colocar em prática novas formas de sacrifício (como deixar de fazer fofocas, deixar de discutir com os pais e irmãos, amar mais as pessoas necessitadas e ajudá-las...). Inúmeras são as formas de agradarmos o coração de Deus, através do AMOR e da sinceridade do coração.

Jesus conhece "o homem por dentro". Ele vê os nossos corações!

Anaíle Flores

0 Comentário(s). Clique aqui!:

Postagens mais visitadas

Ouça a Rádio Canção Nova



Seguidores

 

Sobre A Boa Semente!

A Boa Semente foi fundada em 2007. É uma criação do Grupo de Oração Semeador, da Renovação Carismática Católica da cidade de Inhumas GO. É um instrumento de evangelização sem fins lucrativos.

Sua principal missão é semear a Boa Semente através de reflexões diárias do evangelho. Você também pode fazer parte dessa família, entre em contato conosco e saiba como!

Os artigos são de responsabilidade de seus respectivos autores.

Deus te abençoe sempre!

Visite Meu Canto Secreto e descubra mais sobre o autor desse instrumento de evangelização. Mais uma criação Vocenanet.com VCN